Domingo, 30 de Setembro de 2007

EU DOU DEVEDOR A GREGOS E BÁRBAROS...

Romanos 1:14

 

                        Sinto-me devedor: a Jesus Cristo que me salvou; à família que providencia para que o Evangelho fosse pregado na minha terra em 1950; aos crentes que lá foram, com  sacrifício das suas próprias vidas; aos  que ali investiram o seu tempo e seus bens; aos que me convidaram para entrar pela primeira vez numa Casa de Oração; aos que me apoiaram no princípio da minha fé; aos que me perseguiram, e, assim, tornaram mais rija a minha têmpera na fé; aos que me exortaram e seguraram as minhas mãos nas horas de indecisão; etc..

                        Sinto-me devedor de uma tão grande dívida que jamais poderei pagar, ainda que, para isso, me gaste e empenhe totalmente. Sou devedor a Deus, aos meus irmãos e ao mundo! Com que pagarei e como pagarei tão grande salvação?

                         Nada posso fazer senão louvar e agradecer a Deus por tão maravilhosa e estranha graça.

                        Hoje é o Dia de Missões da AIBA (Associação de Igrejas Baptistas do Algarve). Penso que uma das formas de manifestar a minha gratidão é apresentar a Deus a minha vida, o meu pensamento, a minha vontade e tudo quanto chamo meu para que Ele use para salvação dos perdidos.

                        Uma oferta de amor? Posso, devo e vou fazê-lo, mas sei que serei bem mais feliz se Lhe der meu coração e Lhe consagrar minha vida e todo o meu ser.

                        Sou devedor, não tenho com que pagar a minha dívida, por isso, Senhor, aceita tudo quanto sou, quanto chamo meu, pois tudo em Tuas mãos entrego, bom Jesus, sou todo Teu.

publicado por archote às 09:20

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 29 de Setembro de 2007

O TEU BRAÇO É ARMADO DE PODER

Salmo 89:13

 

                         O braço de Deus é forte e a Sua dextra é plena de poder. Aleluia, porque temos um Deus forte que está  do nosso lado, em todas as circunstâncias, para nos ajudar a fazer aquilo que é bom.

                         Um dia, durante uma travessia aérea do Atlântico, um avião foi atingido por um raio e ficou seriamente danificado. Gerou-se grande confusão entre os mais de 300 passageiros a bordo. Uns clamavam a Deus, outros pediam um milagre, outros agarravam-se aos seus ídolos e amuletos... gritos, lágrimas, medo da morte, angústia, desespero... era horrível o ambiente a bordo.

                         Felizmente, o piloto conseguiu conduzir o avião até um aeroporto numa pequena ilha e aterrar de imergência sem quaisquer danos pessoais.  Então,  a situação inverteu-se. Eram hurras ao piloto, abraços de alegria, júbilo, champanhe  e comentários como: - "o piloto foi um perito; tivemos muita sorte; no final isto é bom  material, etc.".

                        Ninguém se lembrou mais de Deus, senão o piloto que, na conferência de imprensa, disse: - "a mão de Deus guiou o avião até aqui; eu só fui a marionete que Ele usou. Ele tem todos os fios e comandos nas Suas mãos e quer que todos os homens se salvem" (I Timóteo 2:4).

                        "Sem dúvida, Senhor, o Teu braço é armado de poder, forte é a Tua mão e elevada é a Tua dextra" (Salmo 89:13).

publicado por archote às 09:02

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

SE SOIS VITUPERADOS POR AMOR DE CRISTO, BEM-AVENTURADOS SOIS

I Pedro 4:14

 

                        Não é "pêra doce" ser perseguido, vituperado e ultrajado sem razão. Contudo, se isso acontece por amor a Cristo, por seguirmos os Seus caminhos "bem-aventurados somos porque sobre nós repousa o espírito da glória de Deus".

                        Os primeiros séculos do Cristianismo foram terríveis nesse capítulo. Milhares de pessoas foram torturadas e mortas apenas por serem cristãs.

                        Cipriano, célebre cristão da antiga cidade de Cartago, morreu martirizado 12 anos depois da sua conversão. Foram doze anos de testemunho, de pregação ousada de ensinamentos vivos sobre a pureza do Cristianismo. Ele deu um testemunho de tanta fidelidade que alguns dos seus mais terríveis inimigos acabaram  convertendo-se a Cristo.

                         A fé e a vida desses heróis do passado deveria estimular-nos para sair da monotonia e indiferença em que nos encontramos. Já pensámos porque é que nada acontece e nós não somos perseguidos? É porque o nosso testemunho é morno e inofensivo; é porque nós não estamos verdadeiramente envolvidos e comprometidos com o Evangelho.

                       Assim, nem o diabo, nem os seus filhos se preocupam connosco.

                       "Pensemos naqueles que nos falaram a Palavra de Deus, a fé dos quais devemos imitar, atentando para a sua maneira de viver" (Hebreus 13:7).

                       Veremos que as coisas mudarão!

publicado por archote às 09:45

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 27 de Setembro de 2007

OUTRO EVANGELHO

Gálatas 1:8

 

                         Nós conhecemos o Evangelho de Cristo, que é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crer n'Ele (Romanos 1:16). Este é também o Evangelho da Graça de Deus (Actos 20:24), o Evangelho da nossa salvação (Efésios 1:13), o Evangelho eterno (Apocalipse  14:6).

                        Se alguém vos anunciar outro evangelho (Gálatas 1:8) esse alguém é filho e enviado do diabo e esse evangelho é falso, enganador, anátema.

                         Infelizmente, há evangelhos apócrifos, espúrios e que não ensinam as verdades de Deus. São falsos. Já no tempo de Paulo havia quem divulgasse outro evangelho, ensinando que, para ser salvo, era preciso juntar à fé em Cristo a feitura de boas obras, observância da lei, ser circuncidado, guardar o sábado, etc..

                        Não, este não é o Evangelho de Deus. A Boa Notícia de Deus é que Jesus Cristo veio ao mundo; nasceu, viveu e morreu sem pecado para poder limpar-nos dos nossos pecados e quem n'Ele crer será salvo. As obras não são o caminho para a salvação, mas o sinal, a marca, o fruto de que somos salvos. 

publicado por archote às 09:28

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

DEUS NÃO FAZ ACEPÇÃO DE PESSOAS

Romanos 2:11

 

                        É uma maravilhosa verdade -- "Deus não faz acepção de pessoas".  Deus ama a todos os homens com o mesmo amor e não quer que ninguém se perca, mas que todos se arrependam dos seus pecados, venham ao conhecimento da verdade e sejam salvos.

                        "Cristo morreu pelos nossos pecados" (I Coríntios 15:3) e a eficácia do Seu sangue é poderosa para salvar todos os homens, mas só eficiente para lavar os que n'Ele crêem. "Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo" (Actos 16:31).

                         A Obra da salvação do homem está acabada, basta que a aceites como suficiente  e eficiente. A salvação é para todos os homens, sem acepção.

                        Quem quer que tu sejas, onde quer que tu estejas, qualquer que seja a cor da tua pele, o teu estatuto social, o teu grau académico, a tua idade, ESTA MENSAGEM É PARA TI! Crê e sê salvo. "Ainda que os teus pecados sejam como a escarlata, ou vermelhos como o carmesim, eles se tornarão brancos como a neve, mais alvos que a lã lavada".

publicado por archote às 09:05

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 25 de Setembro de 2007

SERÁ QUE O QUE DAMOS A JESUS É DESPERDÍCIO ?

Mateus 26:6-9

 

                         Há pessoas que argumentam que tudo que se dá a Deus é desperdício. Deus não come, não bebe, não precisa de vestuário corruptível, logo, não precisamos de contribuir. Quando contribuímos é para "encher a barriga" aos que não trabalham e vivem à conta dos crédulos -- os religiosos.

                        Falso argumento. Na realidade, Deus não come, nem bebe, nem desgasta vestuário, automóvel, etc., antes, cria e dá tudo para que o homem tenha uma boa qualidade de vida.  Ele é dono de tudo e disponibiliza tudo para o bem das Suas criaturas.  Como senhor de todas as coisas, podia, soberanamente, dar-nos só o que precisamos por conta, peso e medida; podia também reter na "fonte" a parte que é d'Ele; podia ainda jogar com a nossa condição de mendicantes para nos humilhar. Mas não. Põe tudo à nossa disposição e espera que sejamos bons mordomos e cumpramos, liberalmente, os nossos compromissos.

                         Falso argumento porque Jesus ordenou à Sua Igreja que levasse o Evangelho de Cristo por todo o mundo, pregando a tempo e fora de tempo que Jesus Cristo é o Senhor e o Salvador do mundo e, para isto,  sáo necessários meios que sustentem os que tudo deixam e vão. Os anjos bem gostariam de fazer esta Obra, e esses não necessitariam de meios físicos para o fazer, mas não foi aos anjos que Deus mandou, mas, sim, aos homens.

                        Não nos admira que haja quem assim argumente pois também Judas, o traidor, achou mal empregado o unguento de nardo puro usado por Maria para ungir Jesus para a sepultura. Para ele era desperdício porque era ladrão, tinha a bolsa comum e roubava o que os outros ali deitavam com amor.

                        Não é derperdício dar para a Obra de Jesus. É bênção que Deus recompensa largamente, porque ama os que Lhe são obedientes e agradecidos.

publicado por archote às 09:40

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 24 de Setembro de 2007

BENDITO SEJA O SENHOR QUE LEVA O NOSSO FARDO

Salmo 66:19-20

 

                        Dormi muito mal a noite. Aliás, não sei se dormi ou apenas fiquei naquele torpor sonolento que, às vezes, mais cansa do que alivia.

                       Cheguei à manhã com a ideia de que dificilmente carregaria o meu fardo. Lembrei-me das palavras postas  no subconsciente da minha alma: - "Bendito seja Deus que, dia a dia, leva o nosso fardo e nunca rejeita a nossa oração".

                        Ele nunca falha. "Dá força ao cansado, multiplica as forças do que não tem nenhum vigor e os fracos renovarão as forças e subirão até às alturas como águias, correrão e não se cansarão, caminharão e não se fatigarão..." (Isaías 40:28-31).

                         Foi assim comigo.  Não deixei de ter 72 anos, nem fugiram as dores das pernas, nem as enxaquecas sobre os olhos, nem a aflição estomacal, mas cheguei ao fim de mais uma jornada para dizer: - Ebenezer , até aqui me ajudou o Senhor".

                         Amanhã será um outro dia, com outras oportunidades e forças. Eu sei que Deus não vai falhar. Eu, sim, posso desanimar, fraquejar, mas Ele não pode negar-se a Si mesmo.

                         Hoje, Ele ajudou-me, por Sua misericórdia, a levar o meu fardo, trocando-o pelo d'Ele que é suave e leve. Amanhã, se for preciso, Ele vai levar-me ao colo, quando eu já não puder "arrojar o chinelo", até que chegarei ao lar doce lar.

                         É bom ter um Mestre e Senhor assim. Vem experimentar a Sua salvação, alimentar-te dos Seus pastos verdejantes e abeberar-te das Suas águas sadias. Ele convida-te: - "vem a Mim, tu que estás cansado e oprimido, Eu te aliviarei; toma sobre ti o  Meu jugo, que é leve, e carrega o Meu fardo, que é suave; então encontrarás descanso para a tua alma".

publicado por archote às 09:56

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 23 de Setembro de 2007

OUÇAM MOISÉS E OS PROFETAS

Lucas 16:29

 

                        O mundo está em crise. Por toda a parte se procuram soluções. Procuram-se soluções sociais, políticas, morais e espirituais para um mundo em decadência.

                         Nem mesmo as soluções tecnológicas inventadas pelo homem moderno estão sendo capazes de fazer inverter o sentido da roda, que teima em andar cada vez mais depressa, encurtando o espaço de resolver os problemas.

                         Os cinco irmãos do rico da parábola contada por Jesus (portanto, a sociedade do tempo de Jesus), já vivia com os mesmos problemas por resolver. Jesus disse-lhes que a solução estava em ouvir e praticar a mensagem apresentada por Moisés e pelos profetas.  "Têm Moisés e os profetas. Ouçam-nos".  Não precisam de anjos, nem de mensagens extra terrestres, nem soluções miríficas, têm Moisés e os profetas, ouçam-nos.

                         Continuamos a pensar que se o nosso mundo quer sair desta crise tem que voltar-se para as soluções da Bíblia (Moisés e os profetas, incluindo Jesus). É ali que está a resposta para as fomes, para as faltas de respeito, para as agressões, para as guerras, para os roubos, para as ambições desmedidas, para as devassidões, para as luxúrias, etc..

                         Ouçam e pratiquem Moisés e os profetas, isto é,  cumpram a lei do amor - "tudo o que quereis que os homens vos façam, fazei-o vós também".  Amem o próximo como a vós mesmos e façam-lhe tudo o que  querem que vos façam.

                         Em vez de passarmos horas, dias, semanas e meses a discutir se devemos ou não pôr na introdução do Tratado Europeu que somos um povo de raízes cristãs, deixemo-nos de palha e moinha que o vento espalha e assumamos que queremos ser um povo que ama  com tal intensidade que estejamos prontos a darmo-nos a nós mesmos pelo nosso irmão, como Cristo se deu e morreu por nós.

publicado por archote às 08:43

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 22 de Setembro de 2007

TU ME LANÇASTE NAS PROFUNDEZAS DO MAR

Jonas 2:3

 

                          Às vezes, as provas terríveis, nas nossas vidas, sucedem-se como as ondas de um grande oceano. Abatem-se sobre as nossas vidas e parece nunca mais darem tréguas. Quase não temos tempo de pensar, tomar, mudar de rumo. É a vida! A vida que escolhemos, quando escolhemos desobedecer a Deus.

                          Temos de aprender a usar a força das ondas, o seu ímpeto, a sua elevação, a sua direcção, para vermos se, de alguma forma, alcançamos terra segura.  Jonas procurou fazer isto e, mesmo lá do interior do grande peixe que o tinha engolido, lembrou-se do seu Senhor e fez entrar a sua oração no templo da Santidade (Jonas 2:7-9).  Deus ouviu-o e guiou o peixe para a praia, onde, depois de tanto perigo, o deixou são e salvo.

                         Enquanto estamos no mundo, estamos sujeitos a ser apanhados pelos vendavais da vida.  Corramos a refugiar-nos no refúgio mais alto e seguro dos braços de Deus, nas asas da oração, muito mais ágeis e poderosas que as asas das águias. Fiquemos ali, mais fortes na fé, crendo nas mãos protectoras de Deus.

                         Ali, veremos o perigo passar e teremos horizontes mais vastos à nossa frente, para escolhermos bem o caminho, escolhendo-o segundo a vontade e saber de Deus.

                        Por vezes, fechados na concha segura da Tua mão, veremos passar por nós os temporais que nos querem destruir.

                        Obrigado por Tua graça!

publicado por archote às 08:46

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 21 de Setembro de 2007

NÃO VOS INQUIETEIS PELO DIA DE AMANHÃ..

Mateus 6:24

 

Não sei, Senhor, o que espera por mim

lá mais adiante. No dia de amanhã.

Mas sei que estás lá também

com o Teu amor constante,

e isso para mim é suficiente.

 

Talvez no dia de amanhã tenha dor. mágoa lacerante.

Talvez alegria, bênção exultante.

Talvez sim, talvez...

Seja como for, bom mesmo é saber

que o mesmo Senhor, Deus Omnipotente,

vai lá estar presente quando o amanhã vier!...

 

Por isso não estou inquieto,

não tenho medo do AMANHÃ,

eu creio em Ti.

 

 

                          (Fonte: Clarisse Barros)

publicado por archote às 09:49

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds