Sábado, 30 de Abril de 2011

A TRIBULAÇÃO PRODUZ A PACIÊNCIA

Romanos 5:1-6                                         Romanos 5:3b-4

 

 

A paciência é uma das mais belas virtudes cristãs. Ela fortalece-se em nós pelas tribulações e pelas lutas da vida, sendo que, por ela, alcançamos a esperança que não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações, pelo Espírito Santo que nos foi dado.

 

Paulo, no capítulo  doze desta mesma carta (Romanos 12:12), exorta-nos a que sejamos pacientes nas tribulações, pois isso fortalece a nossa fé nas batalhas contra o inimigo das nossas almas.

 

Precisamos de aproveitar as tribulações da vida, tirando delas proveito para o amadurecimento da nossa  experiência cristã, para aprimoramento da nossa vida em Cristo. Sabe-se que as águias, quando são surpreendidas por tempestades enquanto estão voando,  usam as mesmas com tanta "sabedoria" que, em vez de deixarem danificar as suas remiges, aproveitam a força do vento para subirem rapidamente acima da tempestade.

 

Assim deve acontecer com os "santos de Jesus".  Quando Satanás nos quiser destruir com suas artimanhas e tribulações, subamos nas asas da fé para mais perto do céu e, ali, estaremos a coberto desses desaires. "O caminho da águia no céu é uma coisa maravilhosa" (Provérbios 30:19). Aproveitemo-nos dos caminhos da fé e elevemo-nos acima das tribulações e das dificuldades da vida.

 

Naturalmente, o crente não pode fugir às tribulações e sofrimentos da vida, mas pode vencê-los pela fé, pela paciência e pela perseverança nas verdades de Deus. Nós somos fracos, mas, quando reconhecemos a nossa fraqueza e os nossos limites e recorremos ao Senhor, "somos mais que vencedores, porque Ele nos ama" (Romanos 8:37).

publicado por archote às 07:22

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Abril de 2011

EM QUEM TEMOS A REDENÇÃO, PELO SEU SANGUE

Efésios 1:3-14                                      Efésios 1:7

 

 

Temos vindo a falar de vitória. Vitória de Jesus sobre Satanás, sobre o pecado e sobre a morte. Efectivamente, no sangue de Jesus há vitória plena sobre o pecado. "Graças a Deus que nos dá a vitória por Cristo Jesus, nosso Senhor" (I Coríntios 15:57).

  • Bendito seja o Deus e Pai que nos abençoou com todas as bênçãos celestiais
  • Bendito seja o Deus e Pai que nos elegeu n'Ele, antes da fundação do mundo, para que fossemos santos e irrepreensíveis em amor
  • Bendito seja o Deus e Pai que nos predestinou para filhos de adopção, por Jesus Cristo
  • Bendito seja o Deus e Pai que nos elegeu para o louvor da Sua glória e nos fez agradáveis no Amado
  • Bendito seja o Deus e Pai que fez abundar em nós a sabedoria e a prudência dos céus
  • Bendito seja o Deus e Pai em quem temos a redenção, pelo sangue (de Cristo) e remissão das ofensas, segundo as riquezas da Sua graça
  • Bendito seja o Deus e Pai que nos selou com o Espírito Santo da promessa que é o penhor da nossa herança

Que grande e maravilhosa vitória esta que o Pai nos deu --  estarmos a coberto de toda a maldição do pecado!

 

Conta-se que, um dia, Martinho Lutero, o famoso Reformador da Igreja Romana, teve um sonho em que o diabo lhe apareceu com uma enorme lista de todos os seus pecados, desde a juventude até então. Era uma lista terrível e Lutero estava envergonhado e triste por tantos e tão imundos pecados.

 

Certo do seu triunfo, o diabo ia saindo, deixando Lutero em tremenda vergonha e angústia. De repente este reagiu e pediu ao diabo a maldita lista acusatória e, pondo nela a sua mão direita, disse: - "tudo isto é verdade e eu, pecador, me confesso a Deus, arrependido, mas sei que a graça de Deus é ilimitada e eu creio que, pela graça, sou salvo".

 

Pegando numa caneta, escreveu sobre a lista: - "O sangue do Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus, me lavou de todos os meus pecados" (I João 1:7).

 

Que maravilhosa vitória nós temos no sangue de Jesus!

publicado por archote às 07:33

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Abril de 2011

NÃO CONVINHA QUE O CRISTO PADECESSE E ENTRASSE NA SUA GLÓRIA?

Lucas 24:25-32                                   Lucas 24:26

 

 

A cruz de Jesus é o portal para entrarmos com Ele para a Sua glória! Não há outro caminho para além deste que Ele nos abriu por Sua morte no madeiro. "... levando Ele mesmo em Seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, possamos viver na justiça, pois, pelas Suas feridas fomos sarados" (I Pedro 2:24).

 

Agora, pela Sua vitória sobre a morte, Ele tem poder para nos levar para a Sua glória. Isto se quisermos experimentar o nascimento do alto e aceitar a vida que Ele dá.

 

O objectivo de Cristo na Sua ressurreição é o de conduzir muitos "filhos à glória", pelo acabar com o "mistério da morte" e implantar o reino da vida em Seu Nome.

 

Um dia nós teremos um corpo em tudo semelhante ao Seu corpo glorioso, mas podemos conhecer, desde já, a eficácia da Sua ressurreição e a bênção do andar em novidade de vida. Ele nos tem dado o Seu Espírito para podermos discernir toda a verdade e vivermos, já aqui, a plenitude da vida eterna.

 

Era preciso que o Cristo padecesse muito e entrasse na Sua glória para nos abrir os olhos e nos dar nova vida, segundo a Sua eficiência de fazer novas todas as coisas.

 

Nos dois discípulos de Emaús a luz do céu entrou e eles conheceram que Aquele desconhecido, que lhes tinha falado,  era o Mestre, pelo que, empolgados e cheios de nova vida, voltaram para Jerusalém, e, na plenitude da fé, disseram: - "Ressuscitou verdadeiramente o Senhor".

 

Há vida, há vida em Jesus!...

publicado por archote às 07:31

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Abril de 2011

O SENHOR FALOU A JOSUÉ

Josué 1:1-9                                      Josué 1:1

 

 

Jamais Deus chamou alguém sem ter para esse alguém uma missão importante. Deus chamou a Josué para, em lugar de Moisés, dirigir a epopeia da conquista da terra prometida. "Esforça-te, tem bom ânimo, não se aparte da tua boca o livro da Lei, antes, medita nele de dia e de noite... tem cuidado de fazer o que nele está escrito... e Eu serei contigo por onde quer que andares".

 

Eis Deus a falar com Josué. Esforça-te... tem bom ânimo... não pasmes, nem te espantes... Eu serei contigo!... É sempre assim. Quando Deus chama, Deus dá poder, direcção, sabedoria e capacidades para realizarmos a Obra. Basta que paremos para ouvir a Sua voz e Lhe obedeçamos em tudo.

 

Conta-se a história do afundamento de um barco inglês por um submarino alemão. Entre os sobreviventes do navio afundado estava um nobre inglês e um simples marinheiro. Ambos foram levados para uma infecta e imunda prisão, onde o nobre não se cansava de se lastimar, dizendo:- "Ah, se o meu rei soubesse dos meus sofrimentos e dos castigos que me estão a infligir, já teria mandado as suas tropas para me tirar daqui". Entretanto, o marinheiro, que era um salvo por Jesus, glorificava a Deus, dizendo: - " eu sei que o meu Rei sabe onde estou e que mais tarde ou mais cedo, de uma ou de outra maneira, virá buscar-me. Estou feliz porque Ele me ama e não deixará de fazer em mim a Sua vontade".

 

É assim com os filhos do Rei celestial. Ele sabe sempre tudo o que nos acontece e o Seu poder e ajuda se exerce em quaisquer emergências e em qualquer lugar. "Não temas, Eu serei contigo por onde quer que andares".

 

Que maravilhosa certeza! O nosso Rei Jesus está sempre connosco. Não falha nunca! Tão somente "entrega o teu caminho ao Senhor, confia n'Ele e Ele tudo fará".

 

Como fui com Moisés, com Josué, com Paulo e Silas, na prisão, Eu serei contigo, tão somente não te afastes de Mim. nem da Minha Palavra.

publicado por archote às 07:09

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Terça-feira, 26 de Abril de 2011

GRAÇAS TE DOU, Ó PAI... PORQUE SEMPRE ME OUVES

João 11:34-45                                                   João 11:41

 

 

Há orações que Deus não ouve. São as orações egoístas, as orações mal dirigidas, as orações que não visam o nosso bem, nem a glória do Pai. Tenhamos cuidado nas orações que fazemos, se são para nossa vanglória e deleite ou se são para o bem do nosso próximo e glória de Deus.

 

Jesus, diante do túmulo frio de Lázaro, dá graças ao Pai porque sempre O tem ouvido e também O vai ouvir agora, quando, contrariando todas as leis naturais, vai fazer viver novamente alguém cujas funções vegetativas já têm parado há quatro dias. Para Jesus não há impossíveis, nem para parar as tempestades, nem para anular os poderes satânicos, nem mesmo para suplantar os poderes da morte. Jesus é Deus Omnipotente!

 

Quando Jesus ora, Ele tem consciência de que o Pai ouve e responde. Eu tenho que fazer, pela minha ligação ao Pai, por Jesus, que Deus seja visto em mim e se manifeste, através de mim, ao mundo perdido. Será que o mundo está vendo na tua e na minha vida o poder de Deus?

 

Nós somos o templo do Espírito Santo, nós temos a mente de Cristo, logo, devemos reflecti-lO em toda a nossa vida, palavras e acções. Para isso, temos que lutar para que este corpo mortal seja mantido em perfeita sujeição ao Senhor e que Cristo, através dele, seja visto continuadamente.

 

Estaremos nós vivendo em tal dependência de Jesus que a vida d'Ele se manifeste em todos os momentos da nossa vida?

 

Então, as nossas orações sempre serão ouvidas pelo nosso Pai do céu.

publicado por archote às 07:36

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Abril de 2011

SE CONFESSARES A JESUS E CRERES QUE DEUS O RESSUSCITOU DOS MORTOS, SERÁS SALVO

Romanos 10:8-17                                        Romanos 10:9

 

 

A Bíblia ensina-nos que Jesus ressuscitou dos mortos, subiu aos céus e assentou-se à direita de Deus, cheio de glória, e de lá há de voltar para julgar os vivos e os mortos (Actos 10:42).

 

Jesus Cristo é Senhor, a quem Deus deu um Nome que é sobre todo o nome e diante de quem todo o joelho se dobrará e toda a língua confessará, quer queiram, quer não. Jesus será celebrado e aclamado como Único Senhor!  (Filipenses 2:5-11) 

 

É preciso proclamar esta verdade pois "esperamos dos céus a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande Deus, nosso Senhor Jesus Cristo, o qual se deu a Si mesmo por nós, para nos remir de toda a iniquidade e purificar para Si um povo especial, zeloso das boas obras" (Tito 2:11-14).

 

Breve Jesus vai voltar, assim como para o céu foi visto ir (Actos 1:11). Porque assim é, "renunciemos à impiedade e a todas as concupiscências mundanas e vivamos este tempo, sábia, justa e piamente". Que ninguém seja achado desprevenido, pois todos já sabemos que "Ele virá como um ladrão de noite, no qual os céus passarão com grande estrondo e os elementos, ardendo, se desfarão e a terra e as obras que nela há se queimarão" (II Pedro 3:7-11).

 

"Havendo, pois, de perecer todas as coisas, que pessoas nos convém ser, no trato, na piedade, no amor" e na proclamação do amor? (II Pedro 3:7).

 

Olhemos para o céu e aguardemos, com alegria, a chegada do nosso Rei  --  o Senhor Jesus!

publicado por archote às 07:16

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 24 de Abril de 2011

NÃO ESTÁ AQUI, JÁ RESSUSCITOU, VEDE O LUGAR ONDE O PUSERAM

Marcos 16:1-8                                           Marcos 16:6

 

 

Sempre que leio os relatos bíblicos sobre a ressurreição de Jesus, um grande sentimento de vitória se apodera de mim. Vitória sobre o pecado, vitória sobre Satanás, vitória sobre a morte, vitórias sobre as minhas impossibilidades e limitações (pois posso todas as coisas Naquele que me fortalece - Filipenses 4:13), vitória final sobre todas as coisas negativas.

 

É bom vivermos na certeza da ressurreição de Jesus e da Sua presença connosco todos os dias até à consumação dos séculos (Mateus 28:20). É bom termos consciência, sabermos que onde estiverem dois ou três reunidos em Seu Nome Ele estará, vivo e operante, nos meio de nós (Mateus 18:20).

 

Mas, podemos nós ter a certeza de que Jesus ressuscitou? Claro que sim!

  • É o testemunho de quatro homens, independentes, em tempos e lugares diferentes, a dizerem a mesma coisa sem se contradizerem (Mateus, Marcos, Lucas e João)
  • É a narrativa bíblica com minuciosas descrições
  • É o facto da abertura do sepulcro, selo de Pilatos partido, a guarda romana em fuga e com uma desculpa inverosímil -- Dormíamos (16 soldados) e Ele fugiu. Se dormiram, como souberam que fugira? Como poderia fugir um homem no estado de Jesus?
  • Se fugiu, para onde foi? Se andou quarentas dias após a ressurreição, porque não O prenderam?
  • Roubaram o corpo. Quem? Onde o puseram? Os inimigos nunca O mostraram.
  • Ele andou, viveu, comeu, falou, etc. com os Seus discípulos

Para além de tudo isto, há as evidências internas e externas à Bíblia, que provam que a Sua ressurreição é um facto. Basta pensar na mudança que se operou nos discípulos, que, de simples e medrosos foragidos, se tornaram ousados pregadores, que desafiavam, com suas certezas, tudo e todos, incluindo as próprias autoridades.

 

Não há ninguém que consiga dizer-me o contrário, porque Cristo vive em mim.

publicado por archote às 07:28

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 23 de Abril de 2011

HAVIA ALI UM SEPULCRO NOVO, DE JOSÉ DE ARIMATEIA, E ALI SEPULTARAM JESUS

Mateus 27:57-66                                   Mateus 27:59-60

 

 

Seria muito interessante fazer uma leitura comparada de Mateus 27:57-66, com Marcos 15:42-47, Lucas 23:49-56 e João 19:38-42 e anotar as personagens intervenientes, suas características, sua acção, o lugar onde Jesus foi sepultado, a forma do sepulcro e onde estava cavado, como foi fechado e depois lacrado e guardado ( até depois de morto Jesus assustava os Seus algozes) e, finalmente as testemunhas do acto, naquele fim de tarde de sexta feira, dia de preparação para a Páscoa dos judeus.

 

Não cabe esse estudo neste simples devocional, mas , se o fizerdes, aproveitareis muito e ficareis deslumbrados com a forma como os Evangelistas, não se contradizendo, nos descrevem uma maravilhosa e instrutiva história à volta da profetizada  sepultura do Messias (I Coríntios 15:4; Isaías 53:9).

 

Nós queremos dar graças a Deus por José de Arimateia e por Nicodemos que, não sendo discípulos manifestos de Jesus, foram de uma coragem enorme ao pedirem a Pilatos o corpo de Jesus, para Lhe darem uma sepultura condigna. Envolveram o corpo em suaves lençóis de linho, derramaram sobre Ele perfumes raros e caríssimos e puseram o Seu corpo num sepulcro novo, cavado na rocha.

 

Eles derem o melhor para Jesus, tendo mesmo incorrido na possibilidade de desafiarem os poderes diabólicos dos saduceus e fariseus. Não se esperava isto de discípulos ocultos, como José e Nicodemos, mas, por vezes, de onde não se espera nada, Deus tira honra e louvor para o Seu Nome.

 

Aquele sepulcro, a pedido das autoridades judaicas, ficou selado, com o selo de Pilatos, naquela sexta feira, sábado e parte do primeiro dia da semana. Contudo, ao terceiro dia nem a grande pedra porta na porta do sepulcro, nem o poderoso selo de Pilatos, nem a guarda romana, puderam qualquer coisa contra a "operação de resgate" que o Senhor Jesus tinha empreendido.

 

Tudo se quebrou em pedaços, mas a "tão grande salvação" consumada por Jesus na cruz (João 19:30) permanece para sempre, porque Ele triunfou sobre o pecado e a morte. Aleluia!

publicado por archote às 07:27

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 22 de Abril de 2011

PAI, NAS TUAS MÃOS ENTREGO O MEU ESPÍRITO

Lucas 23:33-48                                              Lucas 23:46

 

 

Esta é a última das sete frases de Jesus na cruz --  "Pai, nas Tuas mãos entrego o Meu espírito".  Lucas é o único dos Evangelhos que nos fala da primeira frase na cruz (23:34), da segunda (23:43) e da última ou sétima frase de Cristo  na cruz (23:46). São três frases exclusivas de Lucas, o que nos leva a pensar que as suas fontes eram bem chegadas, talvez mesmo testemunhas oculares (Lucas 1:3-4).

 

Essas fontes talvez nascessem na própria mãe de Jesus, ou Maria Madalena, mulheres que acompanharam de muito perto as últimas horas de Jesus (João 19:26; Marcos 15:40). O Evangelho de Cristo é uma mensagem credível, digna de toda a confiança.

 

No texto em foco --  "Pai, nas Tuas mãos entrego o Meu espírito; e havendo dito isto expirou" --  prova-se que não tiraram a vida a Jesus, mas que Ele mesmo a deu, de Si mesmo, de livre vontade, como o "Cordeiro de Deus" para nos lavar dos nossos pecados. Ele fez isto por Seu grande amor pelo mundo. Isto não iliba de responsabilidade os que O rejeitaram e mataram  na cruz, mas deixa-lhes uma porta aberta para a fé no Seu sacrifício e consequente salvação.

 

A porta para o céu está aberta. Jesus é o Caminho ( João 14:6) e a Porta de entrada no céu (João 10:9). Basta que aceitemos como válido e suficiente o que Jesus fez voluntariamente na cruz.  Ele pagou por nós. Aceitemos, pela fé, o recibo  de resgate da nossa dívida para com Deus, que Jesus voluntariamente pagou.

 

Segundo este texto, a responsabilidade da morte de Jesus só será imputada aos que a rejeitarem como sacrifício pelo seu pecado. Esses pagarão o seu próprio pecado com a morte eterna, mas os que O aceitarem e n'Ele crerem têm a vida eterna.

 

"Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras" Crês tu isto? Crês que Jesus, o Cordeiro de Deus, morreu para pagar a dívida dos teus pecados? Se sim, feliz, muito feliz és tu também, pois, por tua fé em Cristo, Ele garantiu-te a coroa da vida e  a bem-aventurança da vida eterna.

publicado por archote às 07:12

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Abril de 2011

PAI, SE QUERES, PASSA DE MIM ESTE CÁLIX

Lucas 22:39-46                                              Lucas 22:42

 

 

 

publicado por archote às 07:32

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds