Quarta-feira, 31 de Agosto de 2011

UM SÓ É VOSSO MESTRE E SENHOR - O CRISTO

Mateus 23:7-12                                                             Mateus 23:10

 

 

Há quem se chame a si mesmo mestre, senhor, rei, papa, etc., mas um só é nosso Mestre, que é o Cristo. Essas posições que a si mesmo outorgam eleva-os à categoria de mentores espirituais, de ensinadores especiais da Bíblia, de mediadores diante de Deus, de abençoadores, curadores, mestres espirituais e até únicos donos da verdade.

 

Cuidado. Há um só que é nosso Mestre, que o é Cristo de Deus. Isto não quer dizer que não sejam precisos professores, pastores, conselheiros, médicos. Não o que Jesus está a dizer é que todos nós somos irmãos e irmãs, que temos iguais direitos  e responsabilidades, como também igual acesso ao Pai. Jesus é o Único Mediador entre Deus e os homens (I Timóteo 2:5).

 

Não são mais necessários rituais, vestes sagradas, gestos misteriosos, "cadeias de comandos" complicadas. Basta ir a Deus, por meio de Jesus Cristo e logo seremos ouvidos.

 

Temos a nossa Bíblia, Palavra divinamente inspirada (pelo Espírito Santo - II Pedro 1:21), proveitosa para ensinar, redarguir, corrigir e instruir em justiça, para que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente instruído para toda a boa obra. 

 

Estudemos a nossa Bíblia sob a dependência e orientação do Espírito Santo e o nosso coração ficará perfeitamente instruído para falar com Deus, em Nome do Senhor Jesus.

publicado por archote às 07:10

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 30 de Agosto de 2011

O CAMINHO DE DEUS É PERFEITO

Salmo 18:29-32                                                             Salmo 18:30

 

 

Por vezes julgamos que os caminhos de Deus são difíceis e restritivos, mas, na verdade, não é assim. "O Caminho de Deus é perfeito e a Palavra do Senhor é provada e um escudo para todos os que nela confiam".

 

É claro, precisamos de andar no "caminho" (João 14:6) e fazer o que Deus quer que façamos, caso contrário as coisas ficam tortas e difíceis. Há sempre condições para que as coisas sejam boas; a fruta precisa de estar madura; os alimentos confeccionados e temperados; as jóias lapidadas, etc..  É assim com os caminhos do Senhor. Não podemos andar fora deles, sob pena de sofrermos as consequências.

 

Os caminhos do Senhor são perfeitos e o nosso Deus os percorrerá connosco, se nós lh'O pedirmos. Ele nos ajudará a calcurrear o caminho.

 

Conta-se a história de um homem solteiro e solitário que foi a uma loja de pássaros para comprar uma ave canora. O dono da loja vendeu-lhe um lustroso melro, que assobiava lindas árias. O homem levou-o, todo contente, e logo na manhã seguinte a casa estava alegre com o canto do melro.

 

Quando o cavalheiro foi tratar do "bichinho", reparou que ele só tinha uma perna e foi apressado discutir com o dono da loja. Este, depois de ouvir as lamúrias e queixas do comprador, retorquiu-lhe: - mas o senhor quer um animal que cante ou que dance? Esse é o animal perfeito para animar a sua casa.

 

Não sejamos "queixinhas" amargurados, pessimistas, mas aprendamos a contentar-nos com a vontade de Deus, que é perfeita, e deixemos as nossas querelas de parte.

publicado por archote às 07:25

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Agosto de 2011

ABENÇOANDO-OS ELE... FOI ELEVADO AO CÉU

Lucas 24:50-53                                                            Lucas 24:51

 

 

A ascensão de Jesus ao céu é um tema pouco querido dos pregadores. São poucos os sermões produzidos sobre o assunto, tendo em conta o superior valor do evento.

 

Jesus consumou na cruz a Obra redentora da humanidade, ressuscitou dos mortos ao terceiro dia, ficou na terra com os Seus discípulos durante quarenta dias para os convencer da Sua ressurreição dos mortos e para lhes ensinar as últimas coisas, após o que, como se impunha, pois Ele não era deste mundo, ascendeu aos céus, diante de uma multidão de mais de quinhentos irmãos.

 

Não o fez, contudo, sem os abençoar mais uma vez e sem os comissionar para irem por todo o mundo como testemunhas (mártires), anunciando a toda a gente a Boa Nova do Evangelho e a necessidade de arrependimento dos pecados.

 

No monte da ascensão a transfiguração de Jesus foi completa e Ele, com corpo glorificado, foi subindo às alturas e uma nuvem O ocultou aos olhos de todos. Segundo a mensagem dos anjos, Ele foi recebido em cima nos céus e há de vir, assim como para o céu foi visto ir.

 

Ficamos a saber que Ele retornou ao Seu "habitat" natural - o céu - voltou para a glória que tinha com Deus antes que o mundo existisse. Tornou para a dextra de Deus, de onde há de vir na consumação dos séculos. Retornou como Filho de Deus e como Filho do homem, cheio de graça e glória!

 

Jesus voltou ao céu como Sumo Sacerdote, Intercessor e Mediador pleno entre Deus e os homens, a favor dor perdidos. Desde a ascensão e para toda a eternidade Jesus é o Reis dos reis e o Senhor dos senhores, que reina e reinará para sempre. Aleluia! Aleluia!...

publicado por archote às 07:02

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 28 de Agosto de 2011

ENTÃO CONHECEREIS QUE EU ESTOU NO PAI

João 14:13-20                                                   João 14:20

 

 

Estar no Pai e permitir que o Pai esteja em nós é a coisa mais doce que pode haver. Se não houver interferências nesta união, é como a vara na videira, é como o enxerto na madre. Há comunhão, identificação e uma só vida correndo nas nossas veias.

 

Esta expressão significa que Deus nos abençoou em Cristo, nos escolheu,  nos enxertou n'Ele, nos perdoou e nos justificou, como também nos fez agradáveis a Si mesmo, no Amado (Efésios 1:6).

 

"Se alguém está em Cristo nova criação é, as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo" (II Coríntios 5:17), por isso mesmo, agora, "nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus". Agora estamos em Jesus para que demos muito fruto e, no fim, aufiramos a vida eterna.

 

Já te esvaziaste de ti mesmo para dares lugar a Jesus? Enquanto estivermos cheios de nós mesmos e da nossa auto suficiência, Jesus não pode vir morar plenamente em nós. Ainda temos o nosso "quartinho de orgulho" onde Jesus não entra, nem reina.

 

Assim como Jesus está no Pai, estejamos nós totalmente no Filho para que o Pai também esteja em nós.

publicado por archote às 07:14

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 27 de Agosto de 2011

EM ANTIOQUIA FORAM OS DISCÍPULOS, PELA PRIMEIRA VEZ, CHAMADOS CRISTÃOS

Actos 11:22-29                                                          Actos 11:26

 

 

Em Antioquia da Síria nasceu a primeira grande Igreja Cristã. Grande em número de congregados, grande em testemunho de Jesus e grande em visão missionária. Precisamos, hoje,  de Igrejas dinâmicas, operantes e missionárias como a de Antioquia da Síria.

 

Ali, em Antioquia, foram os discípulos, pela primeira vez, chamados "cristãos". Não foi um nome que lhes tenha sido dado por honra, glória ou designação de uma elevada posição. Antes, foi um nome dado por escárnio, zombaria e identificação com o Cristo que Se deixou crucificar em Jerusalém. Isso não foi algo que incomodasse os "santos de Antioquia", pelo contrário, eu creio, os alegrava por serem identificados com o seu Salvador.

 

Hoje, especialmente no mundo ocidental, ser cristão não significa nada de especial. Fizeram-nos cristãos e tornaram-nos membros de uma das grandes religiões  oficiais do mundo. A grande maioria não é cristã por ter nascido na família de Cristo, mas por ter nascido numa religião chamada cristã e a quem, desde bébé, "baptizaram"  sem o seu consentimento. São cristãos de nome e pela força das circunstâncias. São cristãos como podiam ser islâmicos, hindus, judeus, zoroastristas, animistas, panteístas, etc.

 

Cristãos desses não são agradáveis aos olhos de Deus, porque. de facto, só são cristãos de nome. Não servem, não adoram, nem proclamam a Cristo.

 

No tempo da Evangelização de Antioquia não era assim. Ser cristão tinha de pagar um alto preço - a zombaria, o escárnio, a perseguição, o desprezo e, não poucas vezes, a morte. Nessa altura (salvo alguns Judas e Barjesus, etc.) ser cristão era difícil. Só era cristão quem se entregava a Jesus de alma e coração  e estava disposto a sofrer pelo Nome, dando testemunho da Sua verdade.

 

Mas graças a Deus que ainda hoje há verdadeiros cristãos, homens e mulheres lavados pelo sangue da cruz de Cristo e feitos nova criação n'Ele. Santos que pagam o preço de serem cristãos, como os crentes do primeiro século. Hoje ainda há um povo que paga o preço de ser cristão, "sendo crucificado com Cristo", vivendo não mais a sua vida, mas a vida de Cristo (Gálatas 2:20).

publicado por archote às 07:34

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Agosto de 2011

OLHEI E EIS QUE ESTAVA NO MEIO DO TRONO UM CORDEIRO

Apocalipse 5:1-14                                                       Apocalipse 5:6

 

 

Ontem pensámos no "Cordeiro de Deus", que veio para limpar e tirar o pecado do mundo. Hoje queríamos pensar no "Cordeiro de Deus" que é a atracção central e a Pessoa principal que está no centro de um trono, de onde vão dimanar ordens e sentenças especiais para o final dos tempos.

 

Há que ter em conta Aquele que está sentado no trono, de cuja dextra vai ser tirado um livro selado com sete selos, com mensagens de condenação para o mundo ímpio.

 

É o Cordeiro que está no centro do trono, rodeado de quatro seres viventes e de 24 anciãos, que depõem as suas coroas aos pés do Cordeiro, que foi morto e reviveu, em sinal de completa submissão.

 

Por esta descrição, o Espírito Santo deseja mostrar-nos que o Cordeiro não é apenas o centro da honra diante do trono de Deus, mas Ele é o próprio centro de todos os planos divinos. O Cordeiro está prestes a assumir todo o poder no céu e na terra e a reinar com a justiça de Deus sobre toda a terra e tudo que nela há.

 

O Cordeiro reinará finalmente e nós, Seus súbditos, com Ele e a Ele cantaremos hinos de glória.

 

Estás preparado para reinar com Cristo? Ou, como as virgens loucas (Mateus 25), ficarás de fora em busca de luz para o Caminho?

 

Ele é a verdadeira luz que veio ao mundo. Deixa-O entrar e iluminar tua vida e teus caminhos.

publicado por archote às 07:09

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Agosto de 2011

EIS AQUI O CORDEIRO DE DEUS

Génesis 22:8, 13                                                         João 1:36

 

 

Porque é que João Baptista teria identificado Jesus, filho de Maria,  como o Cordeiro de Deus, vindo para tirar o pecado do mundo? Certamente porque Jesus era o Filho da promessa, concebido e nascido sem pecado e, por isso, com potencialidade para satisfazer, com Seu sangue puro,  a ofendida justiça de Deus. João conhecia Jesus. João vira o Espírito Santo descendo sobre Ele em forma corpórea. João, o Baptista, estava consciente da sua tarefa no mundo - aplanar o caminho (Mateus 3:3) e indicar Jesus como "o Cordeiro que tira o pecado do mundo" (João 1:19).

 

Jesus é o Cordeiro da propiciação porque é justo, santo, obediente a Deus; o servo cumpridor, que derramou o Seu sangue para propiciação dos nossos pecados. Nenhum outro o fez, nenhum outro o poderia fazer, nenhum outro poderá jamais arrojar-se ao direito de o fazer. Ele o fez uma vez, plena e satisfatoriamente. "Ele suportou a cruz, desprezando a afronta, pelo gozo que Lhe estava proposto - salvar-nos dos nossos pecados.

 

Ele, o Cordeiro de Deus, é o Caminho até à glória, porque só Ele o percorreu uma vez, não olhando o sofrimento, o desprezo, a afronta ou a vergonha (Marcos 16:19).

 

Ele foi recebido em cima na glória e sentou-se à direita de Deus, deixando o caminho aberto. Entra por Ele, que é o Caminho, e sobe até à glória que Jesus tem para partilhar contigo.

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Agosto de 2011

ESTAI, POIS FIRMES NA LIBERDADE COM QUE CRISTO VOS LIBERTOU

Gálatas 5:1-7                                                       Gálatas 5:1

 

 

O salvo pela fé em Jesus foi salvo para servir no anúncio das Boas Novas - CRISTO MORREU PELOS NOSSOS PECADOS. É esta a verdade que temos de anunciar, a tempo e fora de tempo. Por vezes somos tentados a anunciar métodos de fazer, doutrinas que nos parecem mais lógicas e mais fáceis de aceitar, etc.. Mas não foi isso que Jesus nos mandou fazer - "Ide por todo o mundo e fazei discípulos de todas as nações, baptizai-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo e ensinai-os a guardar todas as coisas que Eu vos tenho mandado, e Eu estarei convosco todos os dias até à consumação dos séculos" (Mateus 28:18-20).

 

Jesus não nos mandou dizer "creia nisto" ou "creia naquilo", tenha este método universalista, carismático, livre, fundamentalista ou ecuménica, mas, antes, mandou-nos fazer discípulos para Ele, baptizá-los em nome da Santíssima Trindade e ensinar-lhes o que Ele nos ensina da Palavra. O que vai além disto é humano, faccioso, pessoal.

 

Ele prometeu ficar connosco e orientar-nos conforme as circunstâncias e necessidades do momento. Nós não somos chamados a aceitar padrões humanos, mas a crer na Bíblia e Naquele que a Bíblia nos revela (João 5:39-40). Somos chamados para pregar a liberdade para a qual Cristo nos levou (Gálatas 5:1). Temos a liberdade de Cristo para conduzirmos outros a conhecer, viver e apregoar essa mesma liberdade.

 

Avaliemos a vida de quem nos prega pelos padrões de Jesus. Curvemo-nos diante d'Ele e jamais coloquemos sobre nós jugos, que não o suave e santo jugo de Jesus.

 

É preciso muito tempo, muita humilhação e muita oração para que Deus tire da nossa mente que nós é que "somos bons" e que todos os outros estão errados. Essa nunca foi a posição de Deus.

 

Existe apenas uma liberdade que deve actuar em nós  --  a liberdade de Cristo, orientada pelo Espírito Santo.

 

Ide e fazei discípulos para Jesus e de Jesus e não adeptos para as vossas próprias opiniões, sobre isto ou sobre aquilo.

 

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 23 de Agosto de 2011

NINGUÉM CONHECE O PAI, SENÃO O FILHO

Mateus 11:25-30                                             Mateus 11:27

 

 

Só o Pai conhece o Filho em toda a Sua dimensão de poder, glória, santidade, amor, verdade e justiça; ninguém conhece o Pai como Ele é mesmo, senão o Filho. Isto é um ponto acente.  Jesus veio revelar o Pai, mas as nossas mentes, afectadas pelo pecado, não podem abranger tudo o que Ele é, pode, sabe e faz. Nós podemos crescer para conhecer Deus, atingir uma certa estatura, mas seremos sempre criaturas de Deus.

 

No Seu ministério de intenso amor, Jesus, para nos levar para mais perto do Pai, usou ilustrações muito especiais, para que compreendamos mais e melhor a Deus. Ele disse:

  • Eu Sou o pão da vida, aquele que comer deste pão viverá para sempre (João 6:35) --  Deus é eterno e satisfaz-nos plenamente.
  • Eu Sou a luz do mundo, quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida (João 8:12) --  Em Deus há luz, verdade, justiça
  • Eu Sou o Bom Pastor, que dá a vida pelas Suas ovelhas (João 10:11-14) --  Deus é poder, segurança, amor, providência, salvação plena
  • Eu Sou a ressurreição e a  vida, quem crê em Mim nunca morrerá (João 11:25) --  Deus é vitorioso em todas as circunstâncias e está sempre pronto a partilhar connosco as Suas vitórias
O Filho veio revelar o Pai em Sua plenitude quando afirmou ser igual ao Pai - "Eu e o Pai somos um" (João 10:30)
O Pai é tudo quanto o Filho disse ser e tudo o que demais o VERBO  de Deus nos revela.
publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Agosto de 2011

AH! SE EU SOUBESSE ONDE O PODERIA ACHAR!

Job 23                                                          Job 23:3   

 

 

Neste texto, Job  anseia por apresentar-se perante Deus para se Lhe entregar integralmente e suplicar as Suas misericórdias, pois bem sabia das suas fraquezas e das suas falhas. Mas... onde estava Deus?

 

Desde que o pecado corrompera o coração do homem que este seguiu um caminho diferente de Deus. Agora, onde estava Deus?! Nos caminhos do pecado, pelos quais Job seguia, Deus não ia. Onde estava então? Como encontrá-lO?

 

Tinham sido feitos muitos deuses e muitas deusas. Tinham sido criadas muitas religiões. Mas, onde estava Deus? Não estava no homem, que O tinha expulso do seu coração. Não estava nos deuses de pau, metal, pedra, etc., porque eram obra  das mãos sujas do homem. Não estava nas religiões, que são apenas o esforço para encontrar Deus. Então, onde está Ele? Ah! se eu o pudesse encontrar e entregar-Lhe toda a minha vida, como eu seria feliz!

 

Que Ele existe, não tenho dúvidas, pois é o Criador bendito e poderoso de todas as coisas. Que Ele está por aí, tenho a certeza, pois, no Seu poder e glória, está conduzindo todo o Universo, qual relógio certinho: Que é preciso encontrá-lO é uma âncora e uma necessidade que tenho na minha alma. Mas, como e onde encontrá-lO?

 

Estas e outras perguntas, feitas por Job, são respondidas na revelação de nosso Senhor Jesus Crtisto. Ele revela-Se na criação, revela-Se no Seu amado Filho Jesus, que é Deus connosco, revela-Se pelo Seu Espírito Santo aos nossos corações. Basta que clamemos com fé e paixão ao Único Deus, vivo, Criador e Sustentador dos céus e da terra. "Deus nunca foi visto por alguém, mas o Filho Unigénito, que está no seio do Pai, Esse O está revelando..." (João 1:18)-

 

Tudo o que as religiões e as filosofias dos homens não puderam fazer, o Senhor Jesus o fez na Sua própria pessoa. Ele veio de Deus para nos revelar O DEUS.

 

Queres saber quem é Deus? Onde encontrar Deus e o que Ele pode fazer por ti? Analisa, medita e aplica a Palavra de Deus, que é Verbo de Deus falando contigo.

 

publicado por archote às 07:13

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds