Sábado, 30 de Junho de 2012

QUANDO APROUVE A DEUS... REVELAR-ME O SEU FILHO

Gálatas 1:10-17                                            Gálatas 1:15-16

 

Precisamos sempre de deixar espaço, em nós, para Deus, porque nunca sabemos quando Ele vai agir em nós. Acho mesmo que devemos estar totalmente disponíveis e sempre prontos para responder à chamada. Estás pronto? Tens, ao menos, no teu coração, espaço para Ele se te revelar? Paulo tinha.  Quando aprouve a Deus (no tempo de Deus), e quando ele estava preparado  intelectual, física e moralmente, revelou-lhe Seu Filho Jesus, para que O pregasse entre os gentios.

 

Mesmo os  pastores,  anciãos  e obreiros estão sempre tão cheios de projectos e planos seus que não deixam espaço livre para que Deus revele a Sua vontade e os Seus projectos. Aprendamos a deixar espaço vazio no nosso coração para Deus usar quando Ele quiser e segundo a Sua vontade. Demos espaço para que Deus manobre livremente no nosso coração.

 

Deus pode querer usar-nos para além da mensagem que já elaborámos meticulosamente. Ele pode querer dar outra orientação, dizer outra coisa, apresentar outros planos. Não nos podemos esquecer que somos apenas barro para Deus moldar e fazer de nós o que Ele quiser! Não esperemos uma manifestação particular, mas esperemos por Ele e tenhamos lugar para Ele.

 

Deus, muitas vezes, age de surpresa nas nossas vidas! E que maravilhosas e doces surpresas Ele nos dá! Estejamos preparados para as manifestações da Sua graça.

 

Mantenhamos as nossas vidas em constante ligação com Deus, sempre abertos aos Seus ensinos, pois tanto pode aparecer da direita, como da esquerda. Tenhamos cuidado de não deixar passar a oportunidade de Ele brilhar nas nossas vidas.

publicado por archote às 07:13

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 29 de Junho de 2012

A MINHA PAZ VOS DOU

João 14:25-30                                            João 14:27

 

Eis aqui a coisa mais necessária entre os homens, e que, ao longo dos milénios, eles têm recusado - A PAZ DE JESUS!

 

A PAZ é um dom de Deus para os homens. Quando Jesus nasceu, os anjos cantaram nos céus estrelados das cercanias de Belém: "Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens a quem Deus quer bem" (Lucas 2:14).

 

Posteriormente, depois de ter sido crucificado, Jesus apareceu aos Seus discípulos e disse-lhes: "Paz seja convosco, assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós".

 

Precisamos de ir, na paz de Jesus, anunciar o Evangelho a toda a criatura, pois só com Jesus e em Jesus os homens viverão em paz. Seguindo-O, nós conheceremos e experimentaremos a paz que Ele prometeu (João 14:17).

 

Deixem-me lembrar aos queridos leitores, porque isto também faz bem aos meu coração, que o próprio Senhor Jesus desfrutou plenamente dessa paz interior quando viveu e serviu o Pai nesta terra. É gratificante imaginar Jesus na cruz a pedir perdão para os Seus algozes, a perdoar a um dos Seus companheiros na cruz, a entregar Sua mãe aos cuidados de João e entregar o Seu Espírito aos cuidados do Pai (ver as setes frases de Cristo na cruz - Lucas 23:34; 23:43; Mateus 27:46; João 19:28, 30; Lucas 23:46).  Notemos a paz, a serenidade, a coragem, a voluntariedade com que Jesus vai à cruz e Se ofereceu pelos nossos pecados.

 

Só mesmo o Filho de Deus! Aprendamos com Ele a ter paz, a Sua paz, vivendo-a e espalhando-a  pela nossa palavra e pelos nossos actos.

 

Se o fizermos, estamos a prestar um grande serviço a este mundo, em guerra constante. O mundo só será feliz com a paz que Cristo dá.

publicado por archote às 07:13

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Junho de 2012

NÃO ANDEIS INQUIETOS COM O QUE COMEREIS, BEBEREIS OU VESTIREIS

Lucas 12:22-30                                          Lucas 12:29-30

 

Estas são, por norma, as inquietações dos homens - Que havemos de comer? Que havemos de beber? Com que nos vestiremos? Quem cuidará da nossa saúde, na doença? Etc .

 

Não diremos que sejam preocupações impróprias, mas diremos que vale a pena olhar par o céu, de onde nos virá o socorro (Salmo 121), que vale a pena entregar tudo nas mãos do nosso Pai, porque Ele, como ninguém, tem cuidado de nós. Se Ele cuida das avezinhas que cruzam os céus, se Ele tem cuidado dos animais da selva e das plantas do campo, como não cuidará de nós que somos Seus filhos muito amados? Ele sabe o que nós precisamos, ainda antes de nós o sentirmos.

 

Nosso Pai do céu sabe e providencia tudo para nós. Ele é o mais sábio Senhor da economia, indústria de fiação e calçado e até o melhor especialista para qualquer doença que tenhamos. Basta tão somente que confiemos n'Ele.

 

Se conhecemos o Deus revelado na Bíblia, também conhecemos que Ele sabe tudo e que tem todo o poder, até para nos arrancar das garras aduncas de Satanás e do poder da morte. Para o crente não há morte; há mudança de casa; há mudança desta casa velha, carcomida pelo tempo e pela doença, para uma casa, não feita por mãos de homens, que Deus tem para nós no céu.

 

Nada escapa ao Seu controlo e muito menos as necessidades dos Seus filhos. Descansai no Seu poder, no Seu querer de ajudar e salvar, pois Ele conhece tudo a nosso respeito.

 

Paulo, o apóstolo, podia testemunhar disso, mesmo depois de passar necessidades, prisões, açoites, abandonos. Ele confessa: "ninguém (humano) me assistiu, mas o Senhor me ajudou e me fortaleceu" (II Timóteo 4:16-17).

 

Como não abandonou Paulo nas suas necessidades, prisões e até açoites, Ele nunca nos abandonará a nós, mas, antes, nos dará forças para vencer, mesmo sem danificar os nossos inimigos. "Não tirará os dentes às feras". mas nos dará forças para as vencer.

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Junho de 2012

SAMUEL TEMIA RELATAR A VISÃO A ELI

I Samuel 3:10-14                                                 I Samuel 3:15

 

Samuel é uma das figuras mais carismáticas do Antigo Testamento:

  • Nasceu de uma mulher tida como menos digna por ser estéril
  • Nasceu de uma mulher atribulada, ridicularizada e desprezada pela sua rival
  • Nasceu de uma mulher tida como embriagada pelo sacerdote Eli
Contudo,
  • Mulher muito amada por seu marido Elcana
  • Mulher fortalecida na fé pelo profeta Eli, quando soube do seu drama
  • Mulher agraciada pelo Senhor Deus, que ouviu a sua oração
  • Mulher muito fiel a Deus, que cumpriu a sua promessa ao Senhor, consagrando-Lhe o seu primogénito
  • Mulher que, mesmo longe do santuário em Siló, soube acompanhar o seu filho no seu crescimento (I Samuel 2:19) e também com suas orações (I Samuel 1:28)
E SAMUEL FOI O MAIOR DOS PROFETAS-SACERDOTES DO SEU TEMPO.

 Samuel, cujo nome significa "pedido ao Senhor", também foi consagrado a Deus e levado para junto do tabernáculo desde o seu "desmame" (I Samuel 1:24; 2:11). Samuel (como Jesus - Lucas 2:40, 52) ia crescendo e fazia-se agradável para com o Senhor, como também para com os homens (I Samuel 2:26) , enquanto os filhos do sacerdote Eli se tornavam execráveis aos olhos de Deus e dos homens, a ponto de Deus lhe fazer uma revelação especial acerca de toda a casa do sacerdote.
Samuel, quando ouviu a revelação do Senhor, temeu comunicá-la a Eli; era uma questão de reverência e respeito.
É interessante ver como Samuel ficou atemorizado diante da voz que o chamava - "Samuel... Samuel..." Mas ele foi instruído a responder : "Fala, Senhor, que o Teu servo ouve". E Deus falou com Samuel. É bom que cultivemos o hábito de deixar o Senhor falar aos nossos corações e fazer aquilo que Ele manda.
Talvez neste momento Deus tenha uma grande mensagem para ti. Pára, escuta e põe em prática o que Deus te disser acerca de qualquer problema que te esteja a afligir.
Fala, Senhor, que o Teu servo ouve. Fala, Senhor, que o Teu servo aceita, confia e põe em prática. Assim Tu, Senhor, me ajudes.
publicado por archote às 07:03

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 26 de Junho de 2012

POR ISSO TE APARECI, PARA TE PÔR POR MINISTRO

Actos 26:13-19                                                     Actos 26:16

 

A visão que Paulo teve no caminho de Damasco não foi apenas para que ele conhecesse Jesus e fosse salvo, mas foi também para lhe dar directrizes de vida e orientação espiritual. Deus  orientou-o clara e firmemente sobre o que seria a sua vida dali para diante.

 

A grande lição é que, conforme o próprio Paulo afirma (v. 19) perante o rei Agripa, ele não foi desobediente à visão celestial, que é como quem diz às orientações divinas. 

 

Precisamos, hoje, de homens que, como Saulo, ouçam a voz de Deus, discirnam a Sua vontade e, custe o que custar, não sejam desobedientes à visão celestial.

 

Deus disse-lhe: - "levanta-te, põe-te sobre os teus pés, porque por isto te apareci, para te pôr por ministro e testemunha, tantos das coisas que tens visto, como daquelas pelas quais te aparecerei ainda".  Paulo aceitou o desafio e, já velho, cansado e preso, podia dizer: - "combati o bom combate, acabei a carreira e guardei a fé; agora, só espero a coroa da justiça que me está reservada pelo Senhor, Justo Juiz..." (II Timóteo 4:7-8).

 

Paulo foi um herói da fé cristã. Não foi desobediente à visão que Deus lhe deu. Cumpriu a Sua vontade. Não basta saber que Deus redime o mundo, não chega saber que podemos ser salvos e que o mundo pode conhecer Jesus como Salvador, é preciso ter um relacionamento santo com Jesus e não sermos desobedientes às directrizes que Ele deixou para a nossa vida - "Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho... quem crer será salvo, mas quem não crer já está condenado e a ira de Deus sobre ele permanece". É preciso ser testemunha de Jesus em todo o tempo.

 

Como estamos a aceitar o desafio de Jesus para nós? Ele nos escolheu com uma missão para nós - "por isso te apareci". Estamos a desempenhar a nossa missão ou estamos mornos, nem frios, nem quentes, como a Igreja de Laodiceia? (Apocalipse 3:14-22).

 

publicado por archote às 07:06

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Junho de 2012

IMPORTA ADORAR A DEUS EM ESPÍRITO E VERDADE

João 4:22-25                                               João 4:24

 

Porque "Deus é Espírito", só há uma forma de adorar a Deus - adorá-lO em espírito e com verdade. Tudo o resto é farsa, que Ele não aceita.

 

Não há outra missão que Deus queira para os Seus santos, senão que O adorem em espírito e verdade. Devemos fazer isto quando oramos, quando lemos a Sua Palavra, quando pregamos as verdades que Cristo nos ensinou, quando fazemos missões, quando falamos de Cristo, quando anunciamos a Sua segunda vinda em glória, etc., etc. Tudo deve ser feito no espírito de adoração  ao Deus que é Espírito e verdade.

 

Estes são os adoradores que Ele quer que sejamos, pois tudo quanto fizermos devemos fazê-lo para honra e glória de Deus, que é Espírito e verdade.

 

É que adorar em espírito (ou com o nosso espírito) é servir e honrar a Deus (Filipenses 3:3), não com cerimónias, ritos pomposos, mas é servi-lO em culto do nosso espírito ao Deus Espírito.

 

Adorar em verdade é fazê-lo segundo a revelação que Ele nos dá na Sua Palavra acerca de Si mesmo e da Sua santa vontade. Pode ser um culto solitário ou colectivo, mas deve ser sempre em espírito e com verdade.

 

Como é que nós estamos cultuando a Deus? Com a hipocrisia que normalmente nos caracteriza ou com a verdade que Deus nos revela?

publicado por archote às 07:08

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 24 de Junho de 2012

O SENHOR DEU-ME UMA LÍNGUA ERUDITA PARA QUE EU TENHA UMA BOA PALAVRA PARA O CANSADO

Isaías 50:1-4                                          Isaías 50:4

 

Por mil vidas que eu vivesse, não me cansaria de louvar e agradecer a Deus pela boca que me deu para anunciar o Evangelho. Que seria de mim se não anunciasse o Evangelho? Não poderia viver, pois sinto em mim o "ai de mim se não anunciar o Evangelho".

 

No nosso texto, o Espírito Santo fala dos sentimentos do profeta, dizendo-nos o que ele sentia : - "O Senhor me deu uma língua erudita para que eu saiba dizer, a seu tempo, uma boa palavra ao que está cansado (perdido e afundado nos seus pecados). Ele (Deus) desperta-me todas as manhãs... para que ouça, como aqueles que aprendem". O profeta Isaías fala de Jesus, que deixou Seu lar na glória e veio a este mundo, que Ele criou e ordenou, para o salvar. Ele escondeu a Sua glória, o Seu poder, omnisciência e grandeza sob a capa de um servo (Isaías 42:1; 52:13), que veio para servir e salvar os homens perdidos. Aqui estava Deus feito homem para realizar e anunciar uma tão grande salvação.

 

Ele fez-se homem, em tudo semelhante a nós, menos no pecar. Ele não tinha e nunca teve qualquer pecado, mas identificou-Se em tudo connosco, para nos salvar (Mateus 3:17). Ele  aprendeu a obediência (Hebreus 5:8) e, no entanto, é Deus para mandar e ordenar.

 

Pensemos agora como Ele amou. Ricos, pobres, leprosos, publicanos, meretrizes, reis, rabis, todos, todos foram objecto do Seu amor e a todos "com língua erudita" Ele ensinou, pregou e alguns salvou, porque muitos não creram n'Ele (João 6:66).

 

Oh! Deus, dá-me uma língua erudita para que, em todo o tempo, eu possa anunciar a Tua Palavra de paz, descanso e salvação (Mateus 11:28-30).

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 23 de Junho de 2012

SERÁ DEUS INJUSTO, TRAZENDO IRA SOBRE NÓS?

Romanos 3:1-8                                        Romanos 3:5

 

Há poucos dias, falando do Deus de amor com um  homem que há 40 anos se encontra paraplégico, em virtude de um mergulho mal calculado, batendo com a cabeça numa pedra oculta pela água, dizia-me ele: - qual Deus de amor, qual quê? Não há Deus e se houvesse eu chamar-lhe-ia injusto, irresponsável, mau...

 

- E porquê? Quero dizer-lhe que, por ter essa ideia de Deus, não vai mudar nada do que Ele é. Deus é o que é, e não é o senhor que, por suas queixas, vai mudar o Seu carácter...

 

- Mas, se Ele fosse amor, bom , conhecedor, não deixaria que este acidente me acontecesse aos 19 anos e eu ficasse um "arremedo" de homem.

 

- Mas, será Deus o culpado? O meu amigo tem uma cabeça bem pensante; não é louco. Mas, por acaso, antes de mergulhar, viu a profundidade da água? Procurou saber se havia pedras ou outros obstáculos? Mergulhou para o sítio certo?

 

- Não Deus não é culpado do seu estado, como não é culpado da morte de crianças à fome ou estraçalhadas por balas assassinas; como não é culpado de certas pessoas nascerem deficientes. Nós somos culpados porque escolhemos a lei do pecado e da morte; nós somos culpados pelos venenos que lançamos nas águas e na atmosfera; nós somos culpados quando nos embriagamos e enchemos os nossos pulmões de nicotina e fumo venenosos, enquanto geramos nossos filhos; nós somos culpados de todo o mal que há na terra, como o senhor é culpado, voluntária ou involuntariamente, do seu estado de imobilidade.

 

O pecado que nós escolhemos seguir é a razão do estado calamitoso em que todos nós nos encontramos.

 

Deus é Justo, Santo, Responsável e nunca jamais nos faria mal, porque, por natureza, Ele é amor. Deus é bom. O mal resulta da pessoa com quem nós nos identificamos e a quem obedecemos cegamente. Nosso Pai é Justo, Santo e Bom (Lucas 6:27); Romanos 12:20).

 

Identifiquemo-nos com o Deus Santo e seremos santos, como Ele é Santo.

publicado por archote às 07:01

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 22 de Junho de 2012

TIVE POR NECESSIDADE EXORTAR-VOS À BATALHA PELA FÉ

Judas                                                           Judas v. 3

 

A personalidade "JUDAS" pode bem ser um dos irmãos do Senhor Jesus (Mateus 13:55), mas também pode ser qualquer outra pessoa salva, pois, naquele tempo, o nome era muito vulgar. De tal maneira comum que havia duas pessoas com o mesmo nome na comunidade dos apóstolos (Lucas 6:16).

 

Parece que Judas se sentia inclinado "a escrever, com toda a diligência, sobre a salvação comum". Viu-se forçado, conduzido a escrever sobre a batalha pela fé,  tal era a pressão sob a qual os cristãos estavam a viver. Os dias de hoje bem se parecem com os dias de Judas, tais as forças diabólicas que se levantam contra os valores da fé cristã.

 

"A fé é a vitória que vence o mundo, pois quem é que vence o mundo senão aquele que crê que Jesus é o Filho de Deus?" (I João 5:4-5).

 

A FÉ EM JESUS é indispensável para sermos vencedores do  mundo, de Satanás e do pecado. É, portanto, necessário que cuidemos da nossa fé, a fé que nos vem pelo ouvir a Palavra de Deus (Romanos 10:17). Cuidar da fé pela oração, pela leitura da Bíblia, pela fraternidade com os irmãos, pela prática do amor, de maneira que essa fé, às vezes mais pequenina que um  grão de mostarda, se torne forte para  vencer na luta diabólica que lhe é movida.

 

"A fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas  que se não vêem", mas, para ser assim, precisa de ser cuidada e praticada diariamente (João 16:13). Não estamos a falar de fé superstição ou milagreira, para interesses humanos, ou da fé charlatã, mas, sim, da fé em Jesus, o Único fundamento da nossa salvação (Actos 4:12; I Coríntios 3.11).

 

Temos que lutar, pela fé, contra as falsas doutrinas, contra as mentiras satânicas postas a circular no mundo, contra os princípios destruidores das instituições de Deus - a família, a Igreja, a própria existência de Deus.

 

Esta batalha só pode ser empreendida com as poderosas armas que Jesus nos deu - a fé, a Palavra, o Espírito Santo, a oração e uma vida cristã regenerada e lavada no sangue de Jesus. No sangue de Jesus há poder para vencer as hostes infernais da maldade. Sirvamo-nos das armas que Deus  deixou nas nossas mãos.

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Junho de 2012

SENHOR, NÃO SOU DIGNO DE QUE ENTRES EM MINHA CADA

Mateus 8:5-13                                       Mateus 8:8

 

A fé é um dom de Deus que Ele tem disponibilizado para todos os homens, mas que apenas alguns têm usado com proveito. A história do nosso texto mostra-nos um centurião romano (comandante de uma centúria - 100 soldados romanos) que foi ter com o Senhor Jesus, confiante de que Ele curaria o seu servo, que estava paralítico e era violentamente atormentado.

 

O centurião cria que Jesus tinha poder para curar completamente o seu servo de todas as enfermidades. Ele só tinha ouvido  falar do poder de Jesus, mas cria, tinha fé, que em Jesus estava a solução para o problema do seu criado. "A fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem". A fé vem aos nossos corações por ouvirmos a Palavra de Deus. Ele tinha ouvido de Jesus. Ele cria no poder de Jesus.

 

Na descrição do evento, Jesus dispôs-Se a ir a casa do centurião para curar o doente, mas o comandante, certo dos problemas que isso Lhe poderia trazer por causa dos judeus e consciente da sua indignidade e dos seus pecados, disse a Jesus: - "Senhor, eu não sou digno que entres em minha casa... diz uma palavra Tua e eu creio que o meu criado sarará..."  Que grande fé a deste homem! Não era uma fé a brincar, pois tendo voltado para casa, como Jesus lhe ordenou, encontrou o seu servo totalmente curado! Foi um milagre da fé verdadeira.

 

Talvez neste momento te estejas debatendo com um problema insolúvel, com uma doença incurável, um problema com filhos rebeldes, incompatibilidade de convivência conjugal, lutas familiares, falta de emprego, etc. Vai ter com Jesus e conta-Lhe o que te aflige. Pede-Lhe ajuda, com espírito de humildade e fé verdadeira e Cristo Jesus operará a teu favor. Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Ele cura as nossas doenças. Ele resolve os nossos problemas, quaisquer que eles sejam. Basta tão somente que tenhas fé como um grão de mostarda e a humildade suficiente para Lhe pedires ajuda.

 

Jesus é o amigo sem igual; o conselheiro infalível; o médico incomparável. Não temas, crê n'Ele e pede-Lhe com fé tudo quanto tu precisas para seres feliz.

 

Queres ser feliz? Só Jesus dá a felicidade. Isto não é um slogan, é uma realidade experimentada por biliões de pessoas. Experimenta, prova e verás em ti os efeitos da fé.

publicado por archote às 07:08

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds