Quarta-feira, 31 de Julho de 2013

MARIA DERRAMOU UM ARRÁTEL DE UNGUENTO SOBRE OS PÉS DE jESUS

João 12:3                                        João 12:1-8

 

Maria, irmã de Lázaro, aquele que Jesus ressuscitara dos mortos (João 11), era uma das mais fervorosas seguidoras de entre todos quantos seguiam o Mestre, e disso dá provas neste evento. Quando todos se  mobilizavam contra o Santo Filho de Deus, incluindo alguns discípulos, como Judas e Pedro, ela foi homenagear Jesus com o tesouro que as virgens guardavam para o dia do seu casamento - o "perfume nupcial".

 

Naquele dia e naquela ceia especial, Maria de Betânia não tinha ido à festa para ouvir mais um sermão de Jesus, assentada  aos Seus pés (Lucas 10:39), como já fizera tantas vezes. Também não tinha ido para Lhe pedir algo, nem para buscar um conselho. como no dia memorável em que Jesus ressuscitou Lázaro, seu irmão, morto há já quatro dias. Também não foi  com a intenção de se encontrar com os demais discípulos, embora a doce comunhão com o Mestre e com os Seus fosse o "melhor da vida" e uma experiência sempre inesquecível.  Não tinha ido, depois de um dia de trabalho, para ser consolada pela Palavra doce do Mestre, ainda que, por experiência, soubesse que Ele era o melhor Consolador e Conselheiro do mundo. Sabia que Ele era o Único que a podia compreender, confortar e ajudar.

 

Não. Naquele dia Maria fora para um acto de profunda adoração e louvor, pondo aos pés de Jesus o "vaso partido" e o unguento de nardo puro, de grande preço, em sinal de  amor e profunda e sincera gratidão. Era como se ela própria - sua vida, mente e capacidades - fosse colocada nas mãos de Jesus, para que Ele a  usasse como Lhe provesse. Ela, e tudo quanto tinha, era de Jesus e para Jesus!

 

Que amor e que dedicação Maria tinha!

 

Será que somos capazes de fazer, ao menos, um pouco do que Maria fez?

publicado por archote às 07:02

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 30 de Julho de 2013

SERÁS RECOLHIDO AO TEU POVO

Números 27:13                                      Números 27:12-17

 

A frase "serás recolhido ao teu povo" significa que vais morrer, vais encontrar-te com os teus ancestrais, vais estar com Deus.

 

Moisés foi chamado ao monte Abarim, de onde tinha uma vista panorâmica da terra da promessa, na qual não entraria por causa do seu pecado junto às água de Meribá. O pecado contra Deus nunca fica impune. Se Jesus não tivesse morrido para pagar os nossos pecados, todos nós seríamos réus de juízo.

 

Neste trecho, Moisés mostra preocupação com a direcção do povo aquando na entrada na terra da promessa e da sua conquista, pois seriam como ovelhas sem pastor. Isto faz-nos pensar na preocupação de Jesus em relação ao povo do Seu tempo, entregue à cobiça e ao confronto entre escribas, fariseus e saduceus (Mateus 9:36).

 

Em resposta ao pedido de  Moisés, o Senhor já tinha designado Josué, homem íntegro, experimentado na liderança e preparado pelo próprio Deus, quer quando foi enviado como espia à terra da promessa, quer como homem sobre quem repousava o Espírito do Senhor, quer como ajudador de Moisés por cerca de 40 anos.  Nós temos um Deus previdente em todas as coisas, mesmo naquelas que julgamos menos importantes.

 

Mais tarde Josué haveria de demonstrar-se  um bom líder, fiel no cumprimento da missão que Deus lhe confiara, não se desviando das leis do Senhor, nem para a direita, nem para a esquerda.

 

Que nós olhemos para o exemplo de Josué, que, no fim  da sua fiel carreira, podia dizer ao povo "escolhei hoje a quem haveis de servir, se aos deuses a quem serviram vossos pais dalém do rio, se aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais, ou ao Senhor. Porém eu e a minha casa serviremos ao Senhor" (Josué 24:15).

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Julho de 2013

ABRIR-SE-VOS-ÃO OS OLHOS E SEREIS COMO DEUS

Génesis 3:4-5                                       Génesis 3:1-19

 

Que grande mentiroso é o diabo! Quem poderá alguma vez ser igual a Deus? Não se contentou em ser mentiroso, como ainda teve a ousadia de pôr palavras mentirosas na boca de Deus... - "é assim que Deus disse: - não comereis de toda a árvore do jardim?"

 

A propósito, qual foi a mentira que o diabo já vos disse hoje? E quais as mentiras que já vos induziu a dizer? Cuidado, pois com o pai da mentira todo o cuidado é pouco.

 

Para enganar Eva e Adão não foi preciso muito, embora Eva ainda tenha dado alguma luta. No entanto, estavam confrontadas forças diferentes e, por isso, Eva foi enganada e, desde aquele dia, a descendência de Adão se empenhou em alcançar seu único alvo - ser igual a Deus. Encontramos essa tendência nas civilizações antigas, na megalomania dos reis, faraós, imperadores, césares, ditadores quererem ser chamados e adorados  como deuses! Coitados! Hoje, são pó pisado pelos animais ou múmias que para nada servem. A sua mania deu em pó.

 

Hoje, não têm coragem (exterior) de se chamarem deuses, mas pensam que são e constroem mausuléus, túmulos especiais, etc., mas não passam do que são mesmo - cinzas.

 

Um destes dias, talvez não muito longe daqui, vai levantar-se quem se vai rebelar contra tudo  e vai assentar-se no lugar de Deus, querendo mesmo ser Deus, mas será aniquilado pela espada que sai da boca do Senhor e ter o mesmo destino da "besta", do falso profeta e do diabo - preso nas trevas para sempre ( I Tessalonicenses 2:4-8).

 

Cristo Jesus, o Filho do Deus Único, cumpriu toda a vontade de Deus, o que Adão e sua descendência não fizeram, e vai tornar possível, a todos os que crerem n'Ele e na Sua Obra, serem mais como Deus, por Ele ter consumado uma eterna salvação para todos os que Lhe obedecem (Hebreus 5:8-9).

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|
Domingo, 28 de Julho de 2013

EM TI ESTÁ O MANANCIAL DA VIDA

Salmo 36:9                                           Salmo 36

 

Estas palavras do salmista fazem-nos lembrar as grandes cascatas de água nos grandes rios, que dão vida a extensas terras de cultivo. É esta a ideia que tenho dos tempos da minha infância, quando, através da "pedra da moura", grandes quantidades de água se precipitavam, para depois correrem calmas, irrigando campos de cultivo. Era lindo de ver, especialmente na força das chuvas.

 

Esta imagem usada pelo salmista parece-me estar relacionada não com inundações, mas com problemas tidos com os inimigos do povo do Senhor, que caminhavam em esquadrões, para derrotarem os servos de Deus. Neste caso, Deus interpunha-se-lhes com cachoeiras, que eles não podiam atravessar.

 

Tal como no tempo de David, a vida é frágil e é ameaçada pelos exércitos de Satanás - a fome, a doença, a pobreza, a violência, vícios de toda a ordem - que é preciso derrotar. Confiemos no Senhor. Ele é a nossa força, o nosso castelo forte, o nosso abrigo, a cachoeira intransponível, a luz que cega os inimigos e alumia os que n'Ele confiam.

 

Ninguém nos destruirá, nem praga alguma chegará à nossa tenda, pois é Ele quem nos guarda e quem nos ilumina de noite e nos guia durante o dia. Mil cairão à tua direita e outros tantos à tua frente  e retaguarda, mas tu não serás atingido, porque Ele te envolverá com a Sua presença e te protegerá com Seu amor.

 

Cantai com júbilo a Deus, que é a nossa força, e celebrai com alegria  o Deus de Jacob, por tudo quanto tem feito e por tudo quanto vai fazer, irrigando, com as águas da vida, a vida que entregámos em Suas mãos.

publicado por archote às 07:01

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 27 de Julho de 2013

ORANDO EM TODO O TEMPO, NO ESPÍRITO

Efésios 6:18                                                           Efésios 6:18-20

 

À medida que nos envolvemos na intercessão  é provável que a nossa obediência a Deus custe a outras pessoas mais do que pensamos. Neste caso, é melhor passarmos a ser movidos por compaixão por aqueles que sabemos estarem com problemas muito específicos, especialmente os que estão sem ouvir o Evangelho, jazendo ainda nas trevas do pecado.

 

Por vezes o diabo engana-nos com estatísticas, números, países ditos evangelizados, etc., quando, na verdade, estão a impedir o ensino sobre a pessoa de Jesus nas escolas, a riscar o nome de Cristo das suas constituições, a aprovarem, nas suas assembleias legislativas, normais e leis que atentam contra os mais simples conceitos de moral cristã, embora continuemos a chamar de cristãos a esses países.

 

Vemos também que a idolatria, o paganismo, o ateísmo, estão a penetrar todas as bases populares, levando, por toda a parte, conceitos devassos, leis adulteradas, corrompendo tudo e todos com cobertura legal.

 

Paulo ensinava: - "quero que todos os homens orem, em todo o lugar, levantando mãos santas, sem ira, nem contenda. Admoesto-vos que, antes de tudo, se façam deprecações, orações, intercessões e acções de graças por todos os homens, pelos reis e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida sossegada, em toda a piedade e honestidade" (I Timóteo 2:1-2, 8).

 

A intercessão pelas condições morais e espirituais do mundo (II Timóteo 3) é um dever de cada cristão, para que o maior número de pessoas ouçam e aceitem Jesus enquanto é tempo. Jejum e intercessão devem andar juntos nas nossas vidas, a fim de que permaneçamos firmes contra as astutas ciladas do diabo e ele seja completamente derrotado.

 

publicado por archote às 07:07

link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Julho de 2013

TOMA AGORA O TEU ÚNICO FILHO E OFERECE-MO NO MONTE DE MORIÁ

Génesis 22:2                                                  Génesis 22:1-13

 

Abraão foi chamado amigo de Deus (II Crónicas 20:7), e, de facto, ele era um homem de grande estatura moral e espiritual. Era um homem de carácter e o carácter de uma pessoa determina como ela interpreta a vontade de Deus (Salmo 18:25-26). Abraão ouviu a voz de Deus e entendeu que o Senhor lhe ordenava que Lhe sacrificasse o seu filho Isaque (o que ele mais amava no mundo) e não esteve com meias medidas. Como homem de carácter, fez os necessários preparativos e partiu para o Monte  que Deus lhe indicara, para Lhe obedecer. Era um homem de Deus. Se era Deus que mandava, ele (Abraão) era homem fiel que obedecia.

 

Oh! Se todos nós tivéssemos o sentido de fé que Abraão tinha, que cria que Deus era "poderoso para até dos mortos o ressuscitar" (Hebreus 11:18), voltando a dar-lhe o filho, como este mundo seria diferente em bondade, amor e confiança no Senhor e, por decorrência, uns nos outros! Mas não. Somos parte de um mundo ímpio, incrédulo, que se rebola no pecado. Não estamos a subir pela fé em Deus, mas a descer, iludidos pelas mentiras e falácias do diabo.

 

Abraão, pela sua fé, faria tudo o que Deus quisesse, até mesmo entregar-Lhe o seu único filho em sacrifício. Estava ali para obedecer e não para discutir o que Deus mandava. Deus mandou ir ao Monte de Moriá, Abraão foi. Deus mandou fazer um altar, pôr a lenha em ordem, amarrar o seu filho Isaque, ele fez tudo isso.  Também teve sensibilidade para ouvir a voz de Deus para parar e procurar nos matos o substituto de Isaque. Abraão, homem de fé, homem de carácter, homem obediente à voz do céu!

 

Peçamos hoje ao Senhor que nos faça sensíveis à Sua voz, para ouvi-la e cumpri-la, pois, se o fizermos, Deus não deixará também de cumprir em nós as suas santas promessas, como fez com Abraão (Génesis 22:12-19).

 

Deus é fiel, não pode negar-Se a Si mesmo. Sejamos nós também fiéis em cumprir a Sua vontade e Ele fará brilhar sobre nós o Seu rosto, nos dará a Sua paz e as firmes beneficências de David.

publicado por archote às 07:03

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Julho de 2013

SEMPRE QUE A NUVEM SE ALÇAVA, ISRAEL PARTIA... QUANDO A NUVEM PARAVA, ISRAEL ASSENTAVA O SEU ARRAIAL

Números 9:17                                     Números 9:15-23

 

As etapas, distâncias, lugares de acampamento, duração das jornadas do povo de Israel no deserto, estavam totalmente definidas pelo Senhor Deus. Cada partida, cada paragem, aconteciam segundo a vontade de Deus. Se a nuvem se levantava, eles tinham que levantar o acampamento, quer fosse dia ou noite, quer estivessem ali há pouco ou há muito tempo, que o lugar fosse agradável ou menos hospitaleiro, quer o descanso fosse muito ou pouco. Eles estavam nas mãos de Deus e tinham que obedecer, pois só Deus sabia o que era melhor para eles.

 

Deve ser sempre assim com o povo de Deus. Confiar no Senhor e fazer a Sua vontade para ser bem sucedido e alcançar a terra "que mana leite e mel".

 

Naquele tempo, Deus tinha os sacerdotes que faziam soar as suas trombetas como sinal para os vários momentos - para reunir a assembleia (v.3-4), para celebrarem as festas ao Senhor, para convocar para a guerra (v. 9), para os dias de alegria (v. 10), etc.. Tudo segundo a vontade de Deus.

 

Hoje, temos connosco o Espírito Santo, que nos ensina e convence da vontade do Senhor e que, como santos, devemos obedecer. O Espírito Santo, pela Palavra, ensina-nos que fomos salvos para o louvor da Sua glória e que isso implica fazer a Sua vontade no ir e pregar o Evangelho a toda a criatura, no amarmo-nos uns aos outros, como Ele nos ama a nós, no apresentar os nossos corpos em sacrifício vivo e agradável, em culto racional, ao Senhor, no não nos contentarmos com este mundo e suas concupiscências, no estar atentos aos toques da Sua vontade para cumpri-la integralmente (II Timóteo 1:8).

 

Tenhamos cuidado em estarmos atentos aos toques do Senhor,  ao levantar e ao assentar da nuvem, para sermos céleres em cumprir a Sua vontade.

publicado por archote às 07:06

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Julho de 2013

VINDE A MIM TODOS OS QUE ESTAIS CANSADOS E OPRIMIDOS E EU VOS ALIVIAREI

Mateus 11:28                                      Mateus 11:25-30

 

Há dias em que o mundo parece ter desabado sobre nós! Tudo corre mal. É a dor crónica na coluna que hoje é maior, os chinelos que foram parar bem longe, debaixo da cama, agravando ainda mais a dor nas costas, o gás que acabou durante o banho, vindo inesperadamente a água fria sobre as costas, o canário que, apanhando a gaiola aberta, saiu para a varanda, obrigando-nos a uns exercícios inesperados, os óculos que ficaram fora do lugar, fazendo-nos perder imenso tempo até encontrá-los, a notícia da doença súbita de um irmão, que temos de visitar. Bem, nem vos digo mais...

 

Valeu-me a minha leitura do "a sós com Deus". Mateus 11:25-30 é um texto maravilhoso para nos acalmar, fazer parar a roda que nos era contrária, e começarmos a ter coisas boas, doces e reconfortantes. Jesus chama-nos para nos dar calma sossego, descanso, segurança. É tão bom descansar aos pés de Jesus, comungar com Ele, cantar um hino de louvor:

 

                                          Abrigado em meu Jesus há descanso e paz

                                          Tenho alívio quando aflito,

                                          Paz me dá se estou contrito,

                                          Abrigado em meu Jesus há descanso e paz

                                          Confiando em Seu amor tenho paz.

 

                                                        Tenho paz e perdão e prazer,

                                                        Abrigado no Senhor.

                                                        Tenho paz e perdão e prazer,

                                                        Confiando em Seu amor.

 


"Vinde a Mim todos os que estais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei", vos dou descanso, paz, sossego, amor... tudo o que vos faz falta. Só tendes de compartilhar Comigo o que vos aflige. Eu Sou tudo o que precisais.

 

Estava a ler uma história de um jovem que teve na mesma semana uma dupla notícia - a primeira, iria ser pai pela primeira vez. Era uma notícia feliz, de partilha e gratidão a Deus; a segunda, tendo feito uns exames de rotina, descobriu que era portador do vírus HIV. Foi terrível  para ele. Quis mesmo desistir da vida e procurar no suicídio a solução para o problema.

 

Lembrou-se do bebé que iam ter. Lembrou-se da bondade de Jesus e do seu convite nestes versículos - "Vinde a Mim... Eu vos aliviarei... 

 

Foi ter com Jesus. Passou horas, dias e meses em oração e, finalmente, o bebé nasceu não contaminado! Aleluia! Jesus respondera! Ele e a esposa mantiveram seu compromisso de amor e, na dependência de Deus, puderam criar seu filhinho.

 

Como Deus é bom! Busque-O no Seu Filho Jesus e Ele será a solução do seu problema.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                    

publicado por archote às 07:03

link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 23 de Julho de 2013

SE ALGUÉM TE OBRIGAR A ANDAR COM ELE UMA MILHA, VAI COM ELE DUAS

 Mateus  5:41                                   Mateus 5:2-26

 

Não podemos deixar de ficar estupefactos com os ensinamentos do "Sermão da Montanha". Não há nada que se lhe compare. Nada do que os homens produziram, antes ou depois, se lhe pode comparar. Jesus ensinou e praticou a mais sublime ética/moral de sempre.

 

  • Bem aventurados os pobres de espírito
  • Vós sois o sal da terra e a luz do mundo
  • Quem se encolerizar sem motivo é réu de juízo
  • Oferece a tua oferta em paz com os homens e com Deus
  • Não deixes que as tuas acções te envergonhem
  • Não deixes que tua mão, teu pé, teu olho te escandalizem
  • Sê marido de uma só mulher
  • não jureis, nem perjureis
  • Seja o vosso falar sim, sim, não, não
  • Não pleiteies com o teu próximo
  • Dá a quem te pedir
  • Se te obrigarem a caminhar uma milha, vai com ele duas
  • Amai os vossos inimigos e orai por eles
  • Não maltrateis os que vos perseguem
  • Sede perfeitos, como é perfeito o vosso Pai do céu
  • Guardai-vos de fazer as vossas ofertas ostensivamente
  • Dá a tua esmola em oculto
  • Ora sinceramente em secreto ao Senhor
  • Jejuai sem serdes notados
  • Não ajunteis tesouros na terra
  • Não sirvais às riquezas
  • Sede comedidos no vestir e na comida
  • Quando te baterem numa face, oferece também a outra
  • Buscai primeiro o Reino de Deus e a Sua justiça
  • Não julgueis para não serdes julgados
  • Fazei tudo o que quereis que os homens vos façam
  • Produzi frutos dignos de arrependimento

 

De tudo isto, o que é que vos falta?

publicado por archote às 07:04

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 22 de Julho de 2013

SE SABEIS ESTAS COISAS, BEM AVENTURADOS SOIS SE AS FIZERDES

João 13:17                                              João 13:4-20

 

Este é um dos mais sublimes exemplos de humildade que o Senhor Jesus deu aos Seus discípulos. Todos eles sabiam que era da praxe, antes de qualquer refeição, lavar os pés aos convivas. Por isso, na entrada das casas sempre havia talhas cheias de água para as purificações dos judeus (João 2:6), mas, neste caso, nenhum dos doze apóstolos se sentiu chamado para a "tarefa inferior" dos servos - lavar os pés aos convidados.

 

Foi Jesus, o Senhor da glória, que Se levantou da ceia, tirou os Seus vestidos, cingiu-se com uma toalha e começou a lavar os pés aos discípulos. Estes, devem ter-se sentido tocados pelo gesto de Jesus, que devia ser o de qualquer deles, e principiaram a escusar-se. Jesus, contudo, levou até ao fim a tarefa, para depois lhes perguntar: - "entendeis o que vos tenho feito? Eu, sendo Mestre e Senhor, vos lavei os pés (como o mais inferior dos servos), assim também vós deveis lavar os pés uns aos outros".

 

Na verdade, custa descer do pedestal do poder e baixar para a posição de servo, mas é isto que vistes, que deveis fazer, pois entre vós o maior será aquele que serve. "Se o fizerdes sereis bem aventurados".

 

Às vezes é preciso ser Deus a enviar sobre nós as ondas de choque para que compreendamos a Sua vontade, e a Sua vontade é que nós O sirvamos na pessoa do nosso irmão.

 

Não é fácil, mas é este o pedido de Deus - "rogo-vos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, porque este é o vosso culto racional". Não vos conformeis apenas em fazer o vosso dever, mas experimentai qual seja a boa, santa, agradável e perfeita vontade de Deus - SERVI-LO com amor.

publicado por archote às 07:06

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds