Segunda-feira, 29 de Agosto de 2011

ABENÇOANDO-OS ELE... FOI ELEVADO AO CÉU

Lucas 24:50-53                                                            Lucas 24:51

 

 

A ascensão de Jesus ao céu é um tema pouco querido dos pregadores. São poucos os sermões produzidos sobre o assunto, tendo em conta o superior valor do evento.

 

Jesus consumou na cruz a Obra redentora da humanidade, ressuscitou dos mortos ao terceiro dia, ficou na terra com os Seus discípulos durante quarenta dias para os convencer da Sua ressurreição dos mortos e para lhes ensinar as últimas coisas, após o que, como se impunha, pois Ele não era deste mundo, ascendeu aos céus, diante de uma multidão de mais de quinhentos irmãos.

 

Não o fez, contudo, sem os abençoar mais uma vez e sem os comissionar para irem por todo o mundo como testemunhas (mártires), anunciando a toda a gente a Boa Nova do Evangelho e a necessidade de arrependimento dos pecados.

 

No monte da ascensão a transfiguração de Jesus foi completa e Ele, com corpo glorificado, foi subindo às alturas e uma nuvem O ocultou aos olhos de todos. Segundo a mensagem dos anjos, Ele foi recebido em cima nos céus e há de vir, assim como para o céu foi visto ir.

 

Ficamos a saber que Ele retornou ao Seu "habitat" natural - o céu - voltou para a glória que tinha com Deus antes que o mundo existisse. Tornou para a dextra de Deus, de onde há de vir na consumação dos séculos. Retornou como Filho de Deus e como Filho do homem, cheio de graça e glória!

 

Jesus voltou ao céu como Sumo Sacerdote, Intercessor e Mediador pleno entre Deus e os homens, a favor dor perdidos. Desde a ascensão e para toda a eternidade Jesus é o Reis dos reis e o Senhor dos senhores, que reina e reinará para sempre. Aleluia! Aleluia!...

publicado por archote às 07:02

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds