Segunda-feira, 26 de Dezembro de 2011

JESUS VEIO DA GALILEIA E FOI BAPTIZADO POR JOÃO, NO JORDÃO

Marcos 1:9-13                                Marcos 1:9

 

 

"Sendo Jesus de quase trinta anos (Lucas 3:23), foi baptizado por João, no Jordão (Marcos 1:9), sendo, como se pensava, filho de José" (Lucas 3:23).

 

O baptismo é uma das duas ordenanças de Jesus - baptismo e Ceia do Senhor - que significa a nossa identificação com Ele. Morremos para o mundo e levantámo-nos para uma nova vida em Cristo. Não serve para lavar pecados ( Jesus nunca teria sido baptizado, pois nunca conheceu pecado), nem para nos abrir a porta do céu, nem para nos conferir qualquer graça.

 

O baptismo é uma ordem de Jesus a todos os novamente nascidos - "necessário vos é nascer de novo" - , isto é, os que já sentiram os seus pecados, se arrependeram e os confessaram a Deus, crendo na eficácia da Obra redentora de Cristo no Calvário. "Cristo morreu pelos nossos pecados". O baptismo é, portanto, um símbolo da fé cristã (Romanos 6:2-5;  Colossenses 2:12). Significa a nossa morte para o pecado e a nossa ressurreição para andarmos em novidade de vida.

 

Se assim é, porque foi Jesus baptizado? Ele não tinha pecados para se arrepender. Ele é a plenitude da novidade de vida, pois é a própria vida.  Porque foi baptizado então?

 

É o próprio Jesus que nos dá a razão para o Seu baptismo, quando esclarecia as dúvidas de João, em Mateus 4:14-15 - "Deixa por agora, porque assim convém cumprir toda a justiça". Jesus tinha  as Suas razões. A nós compete-nos aceitá-las, pois "Ele é o amado Filho de Deus, em quem Deus se tem comprazido" (Mateus 4:17).

 

Sabemos coisas  indesmentíveis sobre o baptismo, tais como:

  • o baptismo não salva, não regenera, nem leva ninguém para o céu
  • o baptismo é uma ordenança divinamente instituída (Mateus 28:19-20)
  • primeiro deve discipular-se e só depois baptizar-se (Mateus 28:19-20)
  • devem baptizar-se  apenas os discípulos crentes em Jesus
Há muitas outras coisas secundárias acerca do baptismo, que é bom sabermos, mas com as quais não nos devemos preocupar demasiadamente, como, por exemplo o baptismo de crianças,que não serve para nada. No Novo Testamento não há registo de baptismo de crianças.  Podem ser feitas algumas inferências sobre a família do carcereiro (Actos 16:31-35), mas podemos contrapor - haveria lá crianças? Se as havia, teriam elas sido baptizadas? As crianças inocentes não precisam de ser baptizadas, nem de arrependimento, pois delas é o Reino dos céus. Jesus já as justificou em Sua graça. No tocante à casa de Lídia (Actos 16:14-16), o caso é o mesmo.
Louvemos a Deus porque Jesus, sendo Deus, se sujeitou a todo o cumprimento da Lei, para que, por Sua Obra perfeita, pudéssemos ser salvos.
publicado por archote às 07:16

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds