Quarta-feira, 22 de Agosto de 2012

COMO PEDRAS VIVAS, SOIS EDIFICADOS CASA ESPIRITUAL

I Pedro 2:1-9                                               I Pedro 2:5

 

Há dias, estive junto das muralhas de um velho castelo e tive a oportunidade de ver como algumas pedras acusavam o peso dos séculos, dando mostras de grande fraqueza, enquanto outras  estavam fortes e firmes, como que dizendo que estavam prontas para outros tantos séculos. Umas eram pedras "doentes", com elementos estranhos, mas outras eram pedras boas, que ainda demonstravam o que é ser qualidade. 

 

É assim também com as "pedras" que constituem a Igreja. Umas aceitaram bem a acção do camartelo do Espírito Santo e ficaram limpas de toda a impureza. Outras nem tanto, tendo escondido, assim, elementos prejudiciais, corrosivos e maus. Mais cedo ou mais tarde vão "acusar" esse facto, pois o "seu pecado escondido as apanhará".

 

É preciso que nos deixemos trabalhar pelo Espírito Santo de Deus, de maneira a que nada velho e prejudicial fique a estragar o "belo" que Deus quer fazer de nós, novas criaturas.

 

Deus quer fazer connosco uma casa espiritual, um sacerdócio santo, para, por nós e em nós, oferecer sacrifícios espirituais. Não mais sacrifícios simbólicos, como no Velho Testamento, mas sacrifícios reais de trabalho, amor e obediência ao Senhor Deus.

 

Na Sua Palavra encontramos e temos tudo que precisamos para oferecer sacrifícios de louvor, adoração e exaltação Àquele que nos ama e nos quer ver totalmente dentro dos planos da Sua vontade.

 

Ofereçamos a Deus sacrifícios espirituais, que Lhe sejam agradáveis, por Cristo Jesus.

 

Eles serão aceites, porque temos um Mediador santo e capaz de permanecer na presença do Omnipotente Deus, e serão bons para nós, porque nos farão crescer na graça, no amor e na comunhão com Cristo Jesus, Senhor nosso.

 

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds