Sexta-feira, 20 de Fevereiro de 2015

MAS CRISTO É TUDO EM TODOS

MAS CRISTO É TUDO EM TODOS

Colossenses 3:11                                     Colossenses 3:9-13

Que grande e maravilhoso mistério - Cristo é tudo em todos! E se Cristo é tudo em todos não pode haver distinções, segregações, nem divisões. Não somos mais nós, mas Cristo é tudo em todos.

Exaltemos a beleza dos Seus atributos, deixando que eles brilhem e se manifestem em nós.

Já pensámos bem no que Jesus é?

  •  É o princípio de toda a criação. Não no sentido de ser o primeiro, mas no sentido de ser o poder criativo, a razão de toda a criação (Colossenses 1:15)
  • É o Filho muito amado de Deus (Colossenses 1:13)
  • É o Eterno e Omnipotente Criador (Colossenses 1:16)
  • É a cabeça do corpo da Igreja (Colossenses 1:18)
  • É o Redentor dos nossos pecados (Colossenses 1:14)
  • É a maravilhosa esperança de glória (Colossenses 1:27)
  • É o detentor de todo os tesouros da sabedoria e do conhecimento (Colossenses 2:3)

Portanto, Jesus é tudo em todos.

Jesus é tudo na revelação de Deus (a Palavra), pois "havendo Deus antigamente falado aos homens de muitas maneiras, a nós falou-nos pelo Filho do Seu amor". Jesus, a mais alta mensagem de Deus, na mensagem dos profetas, na revelação dos anjos e na mensagem pela Palavra - JESUS.

Diremos que Cristo é tudo na mensagem proclamada pelos profetas. Jesus é tudo em toda a Bíblia, revelação escrita de Deus. Jesus é tudo no plano redentor de Deus. Jesus é tudo na vida da Sua Igreja. Ele é tudo em nós, a quem Ele salvou e de quem fez o Seu corpo - a Igreja - do qual Ele é a cabeça.

Que nós nos compenetremos deste maravilhoso pensamento - Cristo é tudo em nós: - na alegria, na tristeza, na juventude e na velhice, na pobreza ou na riqueza, na vida e na morte. ELE É TUDO PARA MIM.

publicado por archote às 07:04

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds