Quinta-feira, 27 de Fevereiro de 2014

TU ÉS O MAIS FORMOSO DOS FILHOS DOS HOMENS

Salmo 45:1-2                                                         Salmo 45

 

O Salmo 45 é uma profecia sobre a união gloriosa entre Cristo e a Sua noiva - a Igreja santificada. O salmista diz que a sua língua não tem capacidade para falar sobre essa glória, nem a sua pena de a gravar no papel, tão grande e maravilhosa ela é.

 

De facto, quando lemos no Novo Testamento sobre esta união gloriosa do Esposo com a Sua noiva, ficamos sem palavras, e só nos resta cair de joelhos e cantar  glória a Deus... glória a Deus.  Isto só é possível quando o nosso coração arde de amor por Jesus, pois quando há abundância de amor no coração disso fala a boca (Mateus 12:34).

 

Somos ensinados, em I aos Coríntios, que é o Espírito Santo que conduz a adoração e o louvor na assembleia. Por isso, devemos deixar-nos possuir totalmente pelo Espírito para que a nossa boca, exteriorizando o que está dentro do nosso coração, possa ver e sentir que Ele (Jesus) é mais formoso do que os filhos dos homens, digno da nossa adoração.

 

"Tu és mais formoso que os filhos dos homens, por isso, a graça se derramou em Teus lábios". A linguagem neste texto é como a linguagem de um noivo para com a sua noiva. Parece que ela (noiva) está tão próxima que o diálogo da graça se pode expandir.

 

Que alegria e que bênção podermos sentir essa abrangência da graça de Deus para connosco, miseráveis e indignos pecadores. Devemos ser agradecidos e levar esse amor a outros, para que também conheçam como é bom fazer parte da noiva de Cristo, que breve  a virá arrebatar desta terra.  Isto está bem expresso na parábola das dez virgens, quando cinco virgens preparadas (os salvos) são levadas para as bodas e as outras cinco ficam de fora para sempre.

publicado por archote às 07:07

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds