Terça-feira, 20 de Novembro de 2007

SOMOS O BOM CHEIRO DE CRISTO

II Coríntios 2:15

 

                         Mais uma vez, chegou o mês de Novembro e, com ele, o bom cheiro das flores de nespereira, que ornamenta o "quintalão" em frente da nossa janela. Logo que o sol se espraia sobre a velha nespereira, as flores, semifechadas durante a noite, abrem e lançam para o ar uma nuvem de incolor perfume, que consola a nossa pituitária e nos convida a inspirar muitas vezes. É uma sensação deliciosa e que nos leva a agradecer a Deus as pequenas (grandes) coisas que Ele preparou para nós.

                         Ao sentir o suave perfume da bonita árvore, lembrei-me das palavras de Paulo, quando escrevia aos coríntios e lhes lembrava o privilégio de serem o "bom cheiro de Cristo para aqueles que se salvam". Ele quer, por nosso intermédio, difundir, por toda a parte, o perfume do Seu conhecimento!

                         Que cheiro estamos nós a espalhar ao nosso redor? O bom cheiro de Cristo, para que todos conheçam que Jesus Cristo é Senhor? O bom perfume de pessoas santificadas que, na sua vida, proclamam Cristo, ou o cheiro de morte e maldição para os que se perdem?

                         Somos falsificadores da Palavra de Deus ou falamos e vivemos em Cristo, com sinceridade, como de Deus e na presença de Deus? (II Coríntios 2:17).

                         Que perfume exalamos da nossa vida? O perfume da bênção ou o perfume da maldição?

publicado por archote às 08:42

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 19 de Novembro de 2007

TEMEI AO SENHOR

Salmo 34:9

 

                         O imperativo de "temer ao Senhor" é um dos mais requeridos através do Livro de Deus - a Bíblia.

                         Realmente Deus é digno do nosso temor, adoração e proclamação a "tempo e fora de tempo".

 

Teme a Deus pelo Seu poder,

confia em Deus pela Sua sabedoria,

ama a Deus pela Sua bondade,

crê em Deus pela Sua fidelidade,

serve a Deus pelo Seu grande amor,

louva a Deus pela Sua grandeza,

adora a Deus pela Sua santidade,

espera em Deus pela Sua graça,

proclama a Deus porque Ele é Deus Único,

vive Deus porque Ele é Senhor da vida.

 

 

                                                                Extraído

 

 

publicado por archote às 08:26

link do post | comentar | favorito
Domingo, 18 de Novembro de 2007

...E AINDA NÃO ME CONHECEIS, FILIPE?

João 14:9

 

                          Quando esta pergunta foi feita pelo Senhor Jesus, o Seu ministério estava a chegar ao fim. Vivia a Sua última noite com os Seus discípulos e constatava, mais uma vez, que eles ainda não O conheciam, nem compreendiam a razão da Sua estada no mundo.

                           Jesus tinha sofrido muito com a atitude dos religiosos e políticos do Seu tempo, mas também sofria muito com a incompreensão dos Seus. Era duro e triste constatar que os Seus primeiros discípulos não discerniam que tudo o que Jesus dizia e fazia tinha sua origem no Pai, em quem estava, e tinha por alvo a concretização da salvação do mundo perdido. Era duro e triste chegar a esta conclusão.

                           Nós, hoje, como compreendemos a Obra de Jesus? Cremos que faz o melhor? Envolvemo-nos totalmente, com fé, entrega e espírito positivo? Ou ficamos também na incredulidade?

                           Não julguemos os discípulos com demasiada dureza, pois nós mesmos falhamos; nós, muitas vezes, não fazemos o que devíamos, mas ficamos na retaguarda, com medo, inactivos, enquanto almas perecem e ficam sem Cristo.

                           Revistamo-nos de fé, de certeza de que Ele está no Pai e que o Pai está nele e tudo o que pedirmos em Seu Nome Ele fará.

                          Com Ele venceremos - "posso todas as coisas naquele que me fortalece" (Filipenses 4:13).

                           Já conhecemos mesmo a Jesus?  Já conhecemos o Seu amor, a Sua santidade, Seu poder e graça? Mostremos ao mundo que O conhecemos, integrando-nos na Obra que Ele nos deu a fazer.

 

 

   

 

publicado por archote às 09:08

link do post | comentar | favorito
Sábado, 17 de Novembro de 2007

A GLÓRIA DO SENHOR ENCHEU O TEMPLO

Ezequiel 43:5-6

 

                          " A glória do Senhor encheu o templo e ouvi uma voz que me foi dirigida..."

 

                          Quando abrirmos caminho para que a glória do Senhor entre nas nossas vidas, na pessoa do Espírito Santo, então, ouviremos a voz do Senhor falar connosco, como também falou com Ezequiel (Ezequiel 43:6).

                           Deus ainda hoje fala aos nossos corações,  basta que estejamos preparados para O ouvir. Que bom é podermos ouvi-lO como Pai, como companheiro, como irmão em Cristo. Quando nós quisermos, Ele encherá o templo da nossa vida com a Sua glória.

                           Agora, lancemos de nós toda a iniquidade, prostituições e malícias e Deus habitará em nós para sempre com o fulgor da Sua glória. Este é o preço que temos que pagar -- abandonar o pecado e dar lugar a Jesus (Ezequiel 43:9).

                           Quando a Glória entrar na tua vida, louvarás, bem alto e com alegria, ao teu Pai celeste, como o fez Ezequiel.

publicado por archote às 08:24

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 16 de Novembro de 2007

DEUS É AMOR

I João 4:8

 

                        Este é um dos versos bíblicos mais citados, mas, infelizmente, nem sempre compreendido, quer no que respeita ao seu alcance, quer ainda que este ser um atributo que Deus quer comunicar a todos os homens.

                        Desde o princípio que Deus demonstra este imutável amor, quer providenciando, ainda antes do "tempo", a salvação do homem pelo sangue do Cordeiro (Hebreus 4:3; Apocalipse 13:8), quer acompanhando o Seu povo com um rasto de sangue (Genesis 3:21; 22:12-14; Êxodo 12:22; Mateus 27:32-57), até à consumação do Cristo na cruz  do Calvário (Lucas 23:33-48).

                       Deus não só demonstrou o Seu grande e infindável amor, como também mandou que nos amássemos uns aos outros, mesmo que os "outros" sejam nossos inimigos.

                       Deus é amor que não engana, não falha,  nunca esmorece, não folga com a injustiça, não se apaga jamais. É assim, com este amor, de alma, mente e coração, que nós devemos amar a Deus. É assim que devemos amar o próximo como a nós mesmos.

                       Deus é amor e nisto se manifestou o amor de Deus em nós  -  "em haver Deus enviado o Seu Filho Unigénito ao mundo quando nós ainda éramos pecadores" (Romanos 5:8).

                       Deus é amor e nisto consiste esse amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que Ele nos amou e enviou o Seu Filho como propiciação pelos nossos pecados, quando nós ainda éramos seus inimigos" (I João 4:8-10)

publicado por archote às 08:16

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2007

TEMOS PODER À NOSSA DISPOSIÇÃO

II Timóteo 1:7

 

                        Uma das grandes ânsias do homem  moderno é o Poder. Poder para mandar, pôr e dispor do seu semelhante. Demonstrar, de todas as formas e feitios, aquilo que é, mas que, na realidade,  não é.  Era bem melhor que  nos ficássemos pela norma do filósofo - "só sei que nada sei" ou, então, pelo princípio bíblico - nada somos neste mundo; "somos como a erva; seca-se a erva, caem as flores e nós voltamos ao pó, de onde viemos" (Isaías 40:7-8; Eclesiastes 12:7).

                       No entanto, Deus não nos deu o espírito de fraqueza, antes, deu-nos o espírito de fortaleza e amor. Neste espírito, nós somos mais do que vencedores! É que, quando estamos fracos na ideia da nossa força, do nosso valor, então, estamos fortes (II Coríntios 12:10).

                       Com Ele a dominar as nossas vidas, nós somos fortes para amar os nossos inimigos, fazer bem a quem nos quer mal, e, sobretudo, anunciar a boa nova da salvação aos inimigos da cruz de Cristo (João 20:21-23).

                       Não temas, porque Jesus prometeu  "a minha graça te basta e o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza" (II Coríntios 12:9a).

                       Diante desta promessa, Paulo, servo de Jesus Cristo, assumiu - "eu de boa vontade me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo" (II Coríntios 12:9b).

                      Qual a tua opção: - Seres forte em ti mesmo  e voltares ao pó ou seres fraco em ti mesmo e forte com Jesus, o Senhor?

 

publicado por archote às 08:56

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2007

SENHOR, TU ÉS O MEU OLEIRO

Isaías 64:8

 

                        Senhor, Tu és o nosso Oleiro e todos nós obra das Tuas mãos. Por favor, continua a moldar-nos segundo a Tua vontade, para que sejamos para louvor da Tua glória.

 

Eis aqui, Senhor, o meu barro

para que Tu o moldes;

é muito duro e está misturado

com a dor e a decepção...

 

Sem querer, manchou-se

de ódio e de usura

que domina o ser humano

da nossa geração!

 

Cansei-me já de amassá-lo,

mas não atinjo, com o meu empenho,

a essência do sagrado

que consegue a perfeição!

 

Toma-o... e forma com ele

vaso formoso, vaso útil,

cujo desenho e traços

forjem a Tua predilecção.

 

Oleiro! Faze-me o vaso

muito subtil e perfumado

com a fragância do nardo

que foi o bálsamo à dor!

 

Oleiro, faze que o vaso

seja feitura dos Teus dedos,

seja obra das Tuas mãos,

tenha o selo do Teu amor!...

 

Entrego-Te, pois, o meu barro

para que Tu o moldes:

- dá-lhe feitura cristã

que revele o Criador!.

 

 

                                                 Isabel Rodrigues

publicado por archote às 08:39

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 13 de Novembro de 2007

COM AMOR ETERNO TE AMO

Jeremias 31:3

 

                        Que bênção maravilhosa termos consciência de que somos amados de Deus, e amados com amor eterno, que jamais será interrompido!

                         Só os crentes com corações limpos podem experimentar, de facto, o que isso é!    É algo de novo, de transcendente, de que não podemos deixar de falar a todo o tempo.É algo que nos alegra e consola.

                        Já experimentaste a doçura de viver no amor eterno de Deus? Mas, o que é isso? Isso é viver perdoado, sem a terrível acusação da nossa consciência pelas transgressões e iniquidades cometidas e vividas. Isso é viver protegido sob as asas do Omnipotente Deus. Isso é viver consciente do presente da salvação e da realidade do futuro na presença do Pai, que nos ama. Isso é viver uma vida transformada e regenerada pelo Espírito Santo de Deus, uma vida com objectivos altruístas.

                       Se ainda não experimentaste viver esta vida com objectivos santos, entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele e Ele, que te ama com entranhável e eterno amor, te dará a felicidade eterna, com a bênção do Seu amor.

publicado por archote às 08:43

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007

EU SEREI PARA ISRAEL COMO O ORVALHO

Oseias 14:5

 

                         "Eu serei para o meu povo de Israel como o orvalho refrescante e ele florescerá como o lírio e espalhará as suas raízes como os cedros do Líbano e as suas vergônteas e a sua glória será como a da oliveira..."

 

                          Esta foi a doce promessa de Deus, no passado, para Israel, o seu povo. Esta é a promessa do Senhor nosso Pai para os Seus filhos hoje, pois a Sua Palavra não passa jamais - "passarão os céus e a terra, mas as minhas palavras não passarão" (Mateus 24:35).

                         Assim, gotejará permanentemente o orvalho dos céus sobre o povo do Senhor, pois Ele abrirá o Seu bom tesouro, o céu, para dar a chuva no seu tempo e abençoar a obra das nossas mãos (Deuteronómio 28:1-14) e florescerá como o lírio num jardim regado.

                         O lírio é extraordinário pela sua alvura. O Senhor nos tem lavado com Seu sangue para que, mesmo estando numa terra suja,  possamos preservar a nossa pureza e atrair para Jesus aqueles que ainda não lavaram suas vidas no sangue do Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo.

                          O lírio cresce rapidamente. As suas raízes (rizomas) parecem mortas durante os rigores do inverno, mas, ao surgir o orvalho da Primavera, logo se desenvolvem e mostram a alvura da sua flor. Assim a graça de Deus pode desenvolver o dom que em nós há e todos podem ver a nova vida que Cristo dá -- pura, gloriosa e santa.

                          "Nem mesmo Salomão, com  toda a sua glória, se vestiu como os lírios do campo..."

                           Que a beleza de Cristo se veja em mim, como a pureza se vê nos lírios do campo.

 

 

publicado por archote às 08:19

link do post | comentar | favorito
Domingo, 11 de Novembro de 2007

ORAÇÃO NO DESERTO

ORAÇÃO NO DESERTO

Mateus 4:1

 

El-Shaddai

Eu sei que é tempo de partir rumo ao deserto

eu sei que há um ribeiro a fluir no ermo para mim

por entre a terra seca e árida,

 

Por entre o grito dos pássaros aflitos

ouço a água que corre solitária

cheia de promessas e de vida.

 

Os meus passos levam-me ao deserto

e, na quieta solitude do silêncio,

aprendo a Teus pés a lição de cada dia -

a arte da quietude de quem confia

no Deus Omnipotente.

 

No deserto.

No deserto tenho fome e sede de Deus.

No deserto aprendo a distinguir entre o que é mesmo

importante e o que não importa assim tanto.

 

No deserto não encontro ninguém além de Deus ao

meu lado; ninguém me ama a esse ponto, ao ponto de

vir ficar comigo no deserto por tempo indeterminado.

Alguns não conseguem velar comigo nem uma hora;

outros passam por aqui, demoram-se um pouco,

compadecem-se, dão ideias e conselhos, e depois

seguem o seu próprio caminho,

enquanto eu continuo no deserto,

na dependência do Pai, sem mais ninguém!...

 

Não quero ter miragens neste deserto.

Quero que a visão fique clara, límpida, e me

faça ficar firme como vendo o invisível.

Eu clamo, amado Senhor, com toda a minha alma:

- Faz-me forte no deserto,

esse é o meu campo particular de treinamento,

agora eu compreendo isso.

Faça-se em mim segundo a Tua vontade.

 

 

 

                                           Clarisse Barros - in El-Shaddai "

publicado por archote às 08:44

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds