Segunda-feira, 21 de Julho de 2008

JESUS TRANSFIGUROU-SE E SUAS VESTES RESPLANDECERAM DE BRANCURA

Lucas 9:28-36                                       Lucas 9:29

 

                  O evento da transfiguração de Jesus é descrito pelos três evangelhos sinópticos (Mateus, Marcos e Lucas), isto, naturalmente para fazer realçar a sua importância na vida espiritual dos discípulos. O facto parece também ser mencionado por João na sua primeira carta (I João 1:1-5).

                  Enquanto Jesus orava, a aparência do Seu rosto transfigurou-se e as Suas vestes resplandeceram de brancura... e apareceram Moisés e Elias falando com Ele...

                 Quantas coisas maravilhosas podem acontecer quando nós oramos! Vidas podem ser transformadas, doentes podem ser curados, filhinhos de Deus podem ser livres de perigos, muitos podem ser guardados da morte!... Oremos, irmãos! Oremos com fé e os milagres acontecerão.

                   Enquanto oramos, os céus podem abrir-se e nós veremos a glória de Jesus e Sua majestade (Actos 7:55-56); enquanto oramos o Espírito Santo pode achar lugar em nós e dar-nos ânimo para grandes vitórias em Cristo. enquanto oramos, podemos ter uma nova visão da vontade de Deus, como Paulo em Troas (Actos 16:9-10); enquanto oramos, podemos ser arrebatados  e ver e ouvir palavras inefáveis que ao homem não é lícito falar ( II Coríntios 12:4); enquanto oramos podemos obter forças para vencer os nossos próprios espinhos na carne e sermos vitoriosos sobre eles (II Coríntios 12:7-10).

                  Oremos a tempo e fora de tempo e experimentemos o que de melhor Deus tem para nos dar.

ORAI SEM CESSAR

 

publicado por archote às 08:00

link do post | comentar | favorito
Domingo, 20 de Julho de 2008

DAI-LHES VÓS MESMOS DE COMER!...

Lucas 9:10-17                                    Lucas 9:12b

 

                    Que responsabilidade o Senhor nos deu!... Dar de comer às multidões famintas, com a Palavra viva de Deus!

                    Deus já providenciou a quantidade e a qualidade da comida. A nós, compete-nos levar esta comida às gentes famintas.

                    Diante da ordem de Jesus, talvez pensemos, como os discípulos,  em dinheiro e na impossibilidade de obter o pão necessário para tanta gente. Contudo,  a verdade é que  não era preciso dinheiro, pois o pão já estava ali -- "Eu sou o pão da vida, o pão que desceu do céu,  e aquele que comer deste pão nunca mais terá fome"  (João 6:35). Eles só tinham que dar a conhecer e oferecer o pão da vida.

                    Esta é também a nossa responsabilidade -- dar a conhecer Jesus como o pão que satisfaz para todo o sempre e levar esta mensagem de abundância e graça até aos confins da terra.

                    Como estamos assumindo esta responsabilidade? Como estamos cumprindo o nosso dever?

                     Jesus é a suficiência para todos os povos... -- "Todos comeram e ficaram saciados... tendo sobrado ainda doze cestos cheios..."

                     Como Cristo nos deu de comer e nos saciou a nós, demos nós também de comer ao mundo, levando-lhe Cristo o Salvador.

 

publicado por archote às 08:07

link do post | comentar | favorito
Sábado, 19 de Julho de 2008

TODAS AS COISAS CONTRIBUEM PARA O BEM DOS QUE AMAM A DEUS

Romanos 8:24-30                                       Romanos 8:28

 

                   Não é fácil compreender certas coisas que acontecem na vida -- uma catástrofe natural, que mata milhares de pessoas; a absolvição do injusto e a condenação do justo; a perseguição aos filhos de Deus; a fome dos que trabalham e o consumo exagerado dos que nada fazem, etc., etc..

                   Não sabemos o porquê, mas sabemos que nada acontece sem o conhecimento de Deus,  que todas as coisas contribuem juntamente para o bem dos que são chamados filhos de Deus e que, por isso, devemos ter fé para nos contentarmos com o que Deus permite que nos aconteça. Em tudo e por tudo devemos dar graças (I Tessalonicenses 5:18)

                   Não é fácil, mas vale a pena, pelos dividendos eternos a receber!

                   Há dias, uma menina pequena perguntava à sua mãe : - mãe, porque é que o pai está doente? Porque é que teve de ser operado no hospital?  O pai é muito bom e não faz mal a ninguém;  não é justo, pois não?

                   A mãe, embaraçada e pouco à vontade, lá foi dizendo : -  o pai vai ficar bom. Deus cuida dele e de nós.  Vais ver como vai ser bom tornar a vê-lo saudável e bonito, a brincar contigo...

                  Também há dias, ocorreu um brutal acidente de automóvel. Entre os feridos graves estava o João e o Gustavo, dois gemeos de sete anos. A família moveu uma tremenda onda de oração pelas crianças. Foi a família, a Igreja, os amigos... toda a gente esperando o milagre de Deus.  O milagre aconteceu. Uma das crianças salvou-se e está aí bonita e sadia. Mas a outra, exactamente a que parecia menos ferida, morreu! A oração por ele não sortiu efeito (não teria sortido?!) aos olhos dos homens.

                    É necessário que a nossa fé seja suficientemente forte para reconhecer a glória de Deus em ambos os casos. Deus dá, mas também requer. Os Seus pensamentos não são os nossos pensamentos (Isaías 55:8-9).  Deus quis o Gustavo para ornar o Seu trono de glória, com toda a sua inocência e perfeito louvor. Deus quis que o João  O glorifique aqui na terra, em qualquer tarefa que ainda desconhecemos. Aleluia, porque temos um Deus que sabe o que quer de cada um de nós.  A nós resta-nos agradecer-Lhe por aquilo que Ele é e faz.

                    A nossa fé tem que ser forte e real para ver o invisível, como Abraão e Moisés (Hebreus 11); tem que ser grande e efectiva como a de Abraão, que creu que, mesmo das cinzas, Deus podia tornar a trazer seu filho Isaque.

                    Que a nossa fé seja tão grande e forte que creia que todas as coisas contribuem para bem dos que amam a Deus.

publicado por archote às 08:02

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 18 de Julho de 2008

A NOSSA MISSÃO

Lucas 9:1-6                                            Lucas 9:6

 

                   A nossa missão é pregar o Evangelho, curando os enfermos, expulsando os demónios e anunciando que é chegado o Reino de Deus. Não há tarefa mais nobre, nem mais importante do que esta, já que, para Deus,  uma alma vale mais que o mundo inteiro.

                  Contudo, ninguém tem poder para realizar esta tarefa se de Deus não lhe vier essa virtude. Jesus convocou os Seus discípulos e deu-lhes a virtude e o poder para irem realizar esta tarefa. Os discípulos nada mais precisavam para este trabalho do que a virtude de Deus! Nem dinheiro, nem alforges, nem pão, nem mudas de vestidos. Tudo já estava providenciado por Deus.

                    É assim. A nossa missão é ir no poder de Deus e pregar o Evangelho a toda a criatura. Homens ou mulheres de todas as tribos, raças, nações ou estratos sociais.

                    A nossa missão é levar a Boa Nova da salvação a todos. Jesus estará connosco todos os dias, suprindo todas as nossas necessidades de alimento, vestuário, saúde, preparação etc..

                    Como os discípulos, nós, os salvos,  somos embaixadores de Cristo para partilhar com o mundo, as Suas maravilhosas bênçãos, Fomos convocados, preparados, revestidos de poder e enviados a pregar algo que ninguém mais tem -- o Evangelho da Graça.

                    Como estamos a cumprir a nossa missão? Os  discípulos foram alegremente, percorrendo todas as cidades e aldeias, anunciando o Evangelho, fazendo curas (Lucas 9:6) e, sem dúvida, trazendo consigo maravilhosos frutos.

                    Ouçamos a promessa de Deus -- "aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos" (Salmo 126:5-6)

 

publicado por archote às 08:11

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Julho de 2008

O QUE ENCOBRE AS SUAS TRANSGRESSÕES NUNCA PROSPERARÁ

Provérbios 28:13

  

                   O pecado escondido e não confessado "faz envelhecer os ossos" (Salmo 32:3), traz peso à consciência e não nos deixa ter paz, nem com Deus, nem com o próximo, nem connosco mesmo. É uma tragédia que nos torna infelizes.         

                   Bem-aventurado o homem que reconhece os seus pecados e os confessa ao Senhor, pois ele será perdoado e reabilitado aos olhos de Deus, que dele terá misericórdia e tornará a dar-lhe a alegria da salvação (Salmo 51:10-12).

                  Sim, o que confessa os seus pecados e os deixa alcançará misericórdia (Provérbios 28:13b), bênção e vitória (Salmo 51:13-15).

                  "Sonda-me, ó Deus, conhece o meu coração, prova-me e vê os meus pensamentos. Vê se há em mim algum caminho mau, algum pecado escondido e guia-me pelos Teus caminhos eternos" (Salmo 139:23-24).

                  Não tentes esconder os teus pecados, nem encobri-los, vestindo-lhe uma roupagem menos verídica, como chamando ao adultério de aventura sexual, ao homicídio de acidente, ao roubo de desvio económico, ao pecado de erro, etc.. Pecado é pecado que Deus odeia, julga e castiga severamente -- "o salário do pecado é a morte" (Romanos 6:23). "A alma que pecar morrerá" (Ezequiel 18:4).

                   A Luz  veio ao mundo para denunciar o pecado, mas os homens amaram mais as trevas que a luz (João 3:19) e permaneceram em seus pecados!

                   Deixa os teus pecados e vem para a luz, pois brilha por ti e para ti.

                  "Bem-aventurado o homem cuja transgressão é perdoada e cujo pecado é coberto; bem-aventurado aquele a quem o Senhor não imputa maldade e em cujo espírito não há engano" (Salmo 32:1-2).

 

publicado por archote às 08:29

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quarta-feira, 16 de Julho de 2008

TODA A ERVA QUE DÁ SEMENTE... TODA A ÁRVORE QUE DÁ FRUTO VOS SERÁ POR MANTIMENTO...

Génesis 1:26-31                  Génesis 1:29

 

                   Houve um tempo em que o homem era cem por cento vegetariano e, sem dúvida, era muito mais saudável do que nos dias actuais, em que tem à sua disposição as mais exóticas e extravagantes ementas. Como prova de que era bom, vemos os primeiros homens que habitaram a terra, viverem centenas e centenas de anos (Génesis 5:1-32).

                   Deus deu ao homem uma ementa vegetariana e "viu que tudo era muito bom".

                   Não temos pretensões de defender quaisquer ementas (vegetarianas, macrobióticas ou outras), pois essas não são "contas do nosso rosário" e porque, se o fizéssemos, o faríamos muito defeituosamente. Deixamos esse privilégio para os técnicos de nutrição. Nós queremos apenas chamar a vossa atenção para a responsabilidade de mantermos o nosso corpo saudável, porque o nosso corpo é  o "TEMPLO DO ESPÍRITO SANTO" ( I Coríntios 6:19).  Não podemos destruí-lo, envenenando-o com comidas tóxicas e bebidas ardentes, que só corrompem, destroem e matam. Tenhamos em mente o uso do álcool (vinho, whisky, conhaque, etc.), que é uma atracção quando resplandece no copo, mas no seu fim morde como a cobra e pica como o basilisco (Provérbios 23:21-22).

                 E que diremos dos muitos pitéus, que são agradabilíssimos ao paladar, mas verdadeiras bombas destruidoras para o estômago, intestinos e outros órgãos do sistema digestivo? Que diremos do fumo cancerígeno que se inala e que queima os pulmões, envenena o sangue e massacra todas as vias respiratórias?

                 Cuida do teu corpo e da tua alma para que se cumpra em ti o velho ditado popular "alma  sã num corpo são". Cuida do teu corpo (Templo do Espírito Santo), não só no que respeita à alimentação, mas também noutros cuidados de saúde mental, mantendo sempre em honra o teu vaso (corpo), não o entregando à devassidão, à fornicação, nem à bebedeira, nem às drogas e a outros exageros.

                Foge dessas coisas, porque foste comprado por bom preço. Glorifica, pois, a Deus em teu corpo e no teu espírito, já que és pertença de Deus.

 

publicado por archote às 08:48

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Julho de 2008

VÓS SOIS ASTROS NO MUNDO

Mateus 5:13-16                                    Filipenses 2:15

 

                   "Sede irrepreensíveis e sinceros filhos de Deus, inculpáveis no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual deveis resplandecer como astros no mundo..."  (Filipenses 2:15).

                    "Vós sois o sal da terra, e se o sal for insípido com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para ser lançado fora e ser pisado pelos homens" (Mateus 5:13).

                    "Vós sois a luz do mundo... que dá luz para todos... assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus..."

                    Tudo isto para vos dizer que vós sois a coroa de glória do grande Deus, Criador e Salvador do mundo.  Cada um de nós, salvos por Jesus, vale mais que o mundo inteiro e é preciso que, noite e dia, "como astros nos mundo", brilhemos com a luz de Jesus.

 

                   Conta-se  que certo escultor trabalhava afanosamente em busca da obra prima, que haveria de o transportar ao círculo dos famosos. Nessa ânsia, ele esculpiu bustos, estátuas grandes e pequenas, esculpiu anjos, homens, mulheres em todas as posições possíveis, mas nada o satisfazia.

                   Um dia, ele passou junto de uma grande catedral gótica e pensou fazer uma miniatura daquele famoso monumento. Trabalhou meses e meses a fio, até que, finalmente,  achou que a obra estava acabada. Estava tudo minuciosamente à escala --- portas, janelas, torres, agulhas ponte agudas, as gárgulas para a saída das águas pluviais e, até o simulacro de ninho de ave pernalta, lá no recôndito de uma torre...

                    Parecia perfeito. O escultor pôs a sua obra prima em exposição, mas a verdade é que ninguém lhe dava muita atenção. As pessoas interessavam-se por outras obras, mas não por aquela miniatura, em que tanto se esmerara. O que é que estaria mal? O que é que faltaria?

                    Passaram-se anos e o velho escultor continuou à procura da sua obra prima, que tardava em aparecer.

                    Um dia, enquanto procedia à arrumação e olhando, uma vez mais, a sua miniatura, lembrou-se de a iluminar. Se bem o pensou, melhor o fez, pondo uma luz estrategicamente colocada no interior da "catedralzinha". Ficou linda. Todos os recortes, reentrâncias, agulhas, torres, portas, e ogivas faziam um conjunto maravilhoso.

                    Estava encontrada a sua obra por excelência, porque brilhava com a luz nela colocada.

 

                    Assim, nós seremos diferentes, andando na luz de Jesus e sendo astros iluminadores, andando da sua órbita.

 

publicado por archote às 08:39

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Julho de 2008

NO DIA DE PENTECOSTES, ESTAVAM REUNIDOS

Actos 2:1-13                                          Actos 2:1

 

                   Pentecostes é uma das principais festas do sistema judaico - Festa da Páscoa, Festas das Colheitas (Semanas, Primícias ou Pentecostes), que ocorria 50 dias depois da Páscoa, Festas dos Tabernáculos. Entre estas, decorriam a Festa do Purim, que assinalava a vitória dos judeus sobre as maquinações de Hamã (Ester 9:21-18), a Festa da Dedicação e, naturalmente, a celebração do Sábado.

                   O Pentecostes, festa realizada anualmente, 50 dias depois da Páscoa, apontava para os pães movidos ante o altar e relembrava o tempo em que o Espírito viria à terra como o Paracleto do céu.

                   Cumprindo-se o dia de Pentecostes, os  crentes (apóstolos, Maria - mãe de Jesus - e outros discípulos) estavam todos reunidos no mesmo lugar, esperando o cumprimento da promessa, expressa na festa que se comemorava e nas palavras de Jesus antes de subir aos céus (Lucas 24:48-52), veio  sobre eles o Espírito do Senhor e... foram cheios da virtude de Deus e falavam das grandezas de Deus...

                    Esperaram com fé e em obediência a Jesus, foram maravilhosamente recompensados! Deus os usou para Sua glória.

                   Ele nunca falha, se nós formos fieis e fizermos tudo quanto Ele nos manda (João 2:5).

                  Unidos em Cristo, amando como Ele ama, nós seremos mais do que vencedores.

                 Não permitamos que alguma coisa venha interferir no amor com que nos devemos amar uns aos outros, antes, unidos, com os  nossos olhos em Cristo, vamos andar na senda que vai para o céu.

 

publicado por archote às 08:08

link do post | comentar | favorito
Domingo, 13 de Julho de 2008

NÃO ESTEJAIS INQUIETOS POR COISA ALGUMA

Filipenses 4:5-9                                 Filipenses 4:6

 

                  Será que, em tempos como os que correm, alguém pode ficar sem inquietações, sem dúvidas sobre a vida? Será que, perante o aumento constante dos géneros de primeira necessidade e de tudo o que precisamos para viver, perante a insegurança diária que todos vivemos, perante o clima de engano, mentira, suborno, etc., podemos estar impávidos e serenos, esperando que as coisas nos caiam do céu aos trambolhões?

                  Não será esta quietude mais um "chavão" religioso, para os fracos de espírito, sempre disponíveis para serem drogados pelo "ópio do povo", a religião? Não será apenas "areia para os olhos" dos incautos e encantados pela magia do sobrenatural?

                  Como homem que sou, inserido no contexto da vida actual, não posso deixar de ver que a presente conjuntura não está fácil. Os problemas de insegurança, de carestia de vida,  de desonestidade, são uma realidade, mas nada que efectivamente não possa ser resolvido, se o homem sentir e abandonar seus pecados, crendo na eficácia de Jesus para o salvar. Há no mundo mais do que suficiente para resolver o problema alimentar da humanidade...

                   "Deixe o homem o seu mau caminho (de egoísmo, ódio e malvadez) e se converta ao Senhor, que se compadecerá dele..." (Isaías 55). Deixe o homem de explorar o seu próximo e ame-o de todo o coração, pagando o que deve, não explorando mais o trabalhador (Tiago 5:1-6). Chegue-se o homem a Deus e Deus se chegará a ele (Tiago 5:7-10) e encherá a sua vida de bens.

                   Nesta perspectiva "não estejais inquietos por coisa alguma, antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus, pela oração, súplicas e acções de graças; então, a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e sentimentos em Cristo Jesus" (Filipenses 4:6-7).

                   "Lançai sobre Ele as vossas ansiedades e Ele cuidará de vós", da vossa vida física, da vossa vida moral e espiritual (I Pedro 5:7).

                   "Pedi e ser-vos-á dado, buscai e achareis, batei e abrir-se-vos-á" (Mateus 7:7), porque "Deus é fiel e não pode negar-se a si mesmo" (II Timóteo 2:13).

 

publicado por archote às 08:26

link do post | comentar | favorito
Sábado, 12 de Julho de 2008

NÃO INCOMODES MAIS O MESTRE...

Lucas 8:40-42,  49-56                                   Lucas 8:49b

 

                   Será que o nosso Mestre e Senhor fica incomodado com as nossas dúvidas, com os nossos pedidos de ajuda ou com a apresentação das nossas necessidades? De maneira nenhuma!  Nós somos a Sua mais importante herança e é connosco que Ele se preocupa.

                   Podemos crer, sempre que, por qualquer razão, não estamos bem, Ele sofre mais  que nós. Ele é sempre um Pai preocupado com os Seus filhos.

                  No nosso contexto Ele foi chamado por um pai aflito, que, prostrado aos  seus pés, Lhe rogava, com insistência, que entrasse em sua casa e curasse a sua única filhinha, de doze anos, que estava à beira da  morte. Jesus logo foi para curar aquela criança...

                  Jesus, sempre que solicitado, responde. Respondeu à mulher siro-fenícia que clamava após Ele, curando o seu filho, mesmo à distância (Mateus 15:21-28); respondeu, curando aqueles dois cegos, somente tocando os seus olhos (Mateus 9:27-34); respondeu ao cego Bartimeu, que clamava às portas de Jericó "Jesus, filho de David, tem misericórida de mim..." (Lucas 18:35-43); respondeu à mulher doente com um fluxo de sangue, que a atormentava há 12 anos (Lucas 8:43-48).

                    Jesus nunca deixa de socorrer quem a Ele se dirige, e foi o que fez com Jairo. Sua filha já podia estar morta (como morto estava Lázaro já há quatro dias), mas isso não era impedimento para Jesus. Ele é Deus Todo Poderoso.

                     Encerrado que foi o evento da cura da mulher que, no silêncio do seu sofrimento, tocou a orla do vestido de Jesus e ficou curada, Jesus foi e entrou em  casa de Jairo e, pegando na mão da menina, já morta, clamou, dizendo  "levanta-te, menina" e a entregou viva aos seus pais.

                      Sempre que tenhas um problema, um pedido, uma dúvida, leva-o a Jesus em oração. ELE TE OUVIRÁ e te  responderá com doçura e amor.

                      Não incomodas o Mestre. Lembra-te da insistência de Abraão quando orava por Sodoma e Gomorra (Genesis 18:23-33)

Oh que paz perdemos sempre

oh que dor de coração,

só porque nós não levamos

tudo a Deus em oração.

 

Haverá um outro amigo

de tão grande compaixão?

Os contritos Jesus Cristo

sempre atende em oração"

 

publicado por archote às 08:40

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds