Terça-feira, 21 de Outubro de 2008

PRATICAM OS SEUS PECADOS COMO SODOMA

Isaías 3:8-11                                                       Isaías 3:9

 

                  Que terrível mensagem Isaías transmitiu ao seu povo -- "praticam o pecado como Sodoma, pois como Sodoma e Gomorra serão julgados com chuva de fogo e enxofre" (Genesis 19:19:24-25).

 

                  O que Isaías anunciou aos seus contemporâneos é totalmente adequado aos nossos dias. Hoje, nada é bastante perverso ou vil para ser evitado. Tudo é lícito. Em nome da liberdade, tudo se pode fazer, tudo é bom, mesmo que sejam as mais terríveis aberrações, as mais inconcebíveis devassidões, ou mesmo as mais nojentas e absurdas idolatrias. Tudo é bom. Contudo, pensai: - "Ai dos que ao mal chamam bem e ao bem chamam mal; ai dos que fazem da escuridão luz e da luz trevas; ai dos que fazem do amargo doce e do doce amargo... porque como a língua  de fogo consome a estopa e a palha com a sua chama... assim lhes fará, porquanto rejeitaram a lei do Senhor dos Exércitos e desprezaram a palavra do Santo Deus" (Isaías  5:20-24).

 

                  "Ai da sua vida, porque fazem mal a si mesmos. Aos ímpios mal lhes irá, porquanto o que o homem semear, isso também ceifará".

 

                  O Senhor Deus é longânimo para connosco, mas , no seu tempo, o dia do juízo chegará, como o ladrão  durante a noite (II Pedro 3:9-10) e ninguém poderá escapar.

 

                  "Salvai-vos desta geração perversa" (Actos 2:40) enquanto é tempo. Hoje, agora, pois amanhã pode ser tarde e a condenação pode alcançar-vos.

 

                   Deixai de praticar o mal. Deixai que o Espírito de Deus faça de vós nova criação, a fim de que, com os olhos de Deus, vejais o caminho para a vida feliz.

 

publicado por archote às 08:46

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 20 de Outubro de 2008

PERDOAI-VOS UNS AOS OUTROS, COMO DEUS VOS PERDOOU EM CRISTO

Efésios 4:30-32                                                  Efésios 4:32

 

                   O problema da incapacidade de nos perdoarmos uns aos outros é um dos mais contundentes entre os irmãos, desde os tempos mais remotos. Caim não foi capaz de ultrapassar essa situação, antes permaneceu no seu despeito e na sua inveja, vindo a atentar violentamente contra o seu irmão Abel, matando-o.

 

                   No entanto, o filho de Deus, exactamente porque é um perdoado de Deus, deve perdoar a quem o tem ofendido. Devemos mesmo lembrar-nos que, se não perdoarmos aos nossos devedores, também Deus não nos perdoará a nós.

 

                  O perdão é, portanto, uma marca dos filhos de Deus. "Perdoai-vos uns aos outros, como Deus vos perdoou em Cristo".

 

                  Quem conhece o perdão tem a consciência da necessidade de perdoar e do privilégio de levar ao mundo o perdão dos pecados.  O perdão de Jesus é a libertação para o serviço e a capacidade de levarmos ao mundo a mensagem da salvação.

 

                  "Pai nosso... perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores..." Não podemos ter comunhão com Deus se não formos capazes de perdoar ao nosso semelhante. Sem perdoarmos aos nossos devedores nunca teremos paz, nem alegria para viver a alegria da salvação.

 

                    Paulo, neste texto, exorta-nos a reflectir mais no privilégio de perdoarmos aos nossos ofensores, como Deus nos perdoou em Cristo. E, como custou caro o perdão para os nossos pecados!...

 

                    Deus oferece perdão em Cristo a todos os pecadores. Nós temos obrigação de perdoar porque Deus nos perdoou.

 

                    Ainda vives na amargura da incapacidade de perdoar?  Ainda vives incomodado e rancoroso contra o teu irmão? Isto é um sinal de que ainda não foste perdoado.

 

                    Aceita o perdão de Jesus e perdoa a quem te tem ofendido.

 

publicado por archote às 08:22

link do post | comentar | favorito
Domingo, 19 de Outubro de 2008

TU ÉS O MEU AMPARO E O MEU LIBERTADOR

Salmo 40                                             Salmo 40:17

 

                   "Eu sou pobre e necessitado, mas o Senhor Deus cuida de mim; Ele é o meu auxílio e o meu libertador..."

 

                   Temos um Deus sempre presente em todas as circunstâncias! Basta que levantemos os nossos olhos e vejamos a Sua maravilhosa graça.

 

                   "Eis que venho sem demora. Conserva o que tens para que  ninguém tome a tua coroa" (Apocalipse 3:11). Eu sou o teu auxílio, o teu ajudador. Não desanimes. Conserva a tua fé até que sejas coroado com a imarcescível e gloriosa coroa da vida.

      

                   Sê fiel, espera no Senhor, porque Ele nunca falha com o Seu auxílio e a Sua libertação total. Não descores a tua oportunidade de fazer a tua parte.

 

                    Conta-se que certo barco naufragou em desconhecidas paragens. Um bom grupo de náufragos salvou-se em dois pequenos botes e foram dar a uma pequena ilha deserta. Tinham a bordo alguns alimentos e uns pequenos sacos com milho, trigo e outras sementes. Uma vez a salvo na ilha, perscrutaram as terras e viram que eram boas para semear. O clima era húmido e quente, bom para boas e rápidas colheitas.

 

                   Eles descobriram também que nos ribeiros, vindos da montanha, havia ouro, e logo se entregaram totalmente à tarefa de juntar as preciosas pepitas, esquecidos de semear as sementes que tinham consigo. Gastaram tudo o que tinham enquanto juntaram grande  quantidade de ouro.

 

                   Esqueceram-se de semear as sementes, que seriam a sua salvação. Juntaram ouro, mas ficaram sem nada para comer.

 

                    Cedo começaram, um a um, a morrer à míngua, pois o ouro não era comestível!

 

                    A imprudência e a ambição foi-lhes fatal. O brilho do ouro é tentador, mas não alimenta, nem dá sobrevivência!

      

                     Não te deixes levar pelo brilho das coisas deste mundo, mas, antes, "conserva o que tens, para que ninguém tome a tua coroa" (Apocalipse 3:11). Busca as coisas que são de cima, onde Cristo, fiel libertador e socorro bem presente na hora da angústia, prepara para ti a vida que não tem fim.

 

                    Conserva e investe sabiamente o que tens recebido do Senhor, pois cedo Ele vem para recompensar a tua mordomia.

 

publicado por archote às 08:54

link do post | comentar | favorito
Sábado, 18 de Outubro de 2008

SE ALGUÉM DESTRUIR O TEMPLO DE DEUS, DEUS O DESTRUIRÁ...

I Coríntios 3:9-17                                     I Coríntios 3:17

 

                  Ninguém pode destruir o templo de Deus, que somos nós, e ficar impune. Deus destruirá os tais que o fizerem!...

 

                  Portanto, "vede como andais, não como néscios, mas como sábios" (Efésios 5:15), não dando escândalo, não sendo insensatos, mas "remindo o tempo, porquanto os tempos são maus". Dai graças a Deus por tudo o que d'Ele recebeis e sujeitando-vos uns aos outros em amor, sustentando e iluminando, com a vossa luz em Cristo, o Santuário de Deus.

 

                 Em I Coríntios 3, Paulo repreende a congregação por causa das divisões enfraquecedoras da Igreja. Ele mostra que a desunião é sinal de fraca espiritualidade e, até mesmo, de carnalidade. Ele mostra que os que causam tais divisões serão chamados à responsabilidade, pois não é impunemente que se tenta destruir o corpo de Cristo.

 

                  É preciso unidade dentro da Igreja, mesmo na diversidade de dons e de opiniões. Cristo é uno, não O podemos fraccionar. Todos os que cremos em Jesus, como Salvador e Senhor, somos o santuário de Deus.

 

  • somos o templo de Deus porque fomos comprados por bom preço -- o sangue de Jesus derramado na cruz do Calvário
  • somos o templo de Deus porque o Espírito de Deus habita em nós e exercita-nos à prática do bem e não à discórdia ou à divisão
  • somos o templo de Deus porque de nós deve irradiar a luz, o tempero (sal) e a graça para todo o mundo

                  Porque assim é, temos responsabilidades que não podemos alijar, mas que temos de assumir.

 

                 Não destruamos o templo de Deus, semeando o joio, a discórdia, a impureza, a impiedade, mas, antes, vivendo o amor, praticando tudo o que é bom, do agrado e da vontade de Deus, edifiquemos, pedra a pedra, o edifício da Igreja de Cristo, edificado sobre o Único fundamento sólido  --  JESUS.

 

                Não tentemos destruir o templo de Deus com as nossas discórdias e lutas, porque, se o fizermos, Deus nos destruirá a nós.

 

                Trabalhemos unidos e esforçados com as nossas vidas íntegras e santificadas, como cooperadores de Deus (I Coríntios 3:9) na edificação da Igreja de Cristo.

publicado por archote às 08:20

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 17 de Outubro de 2008

QUE FERIDAS SÃO ESSAS NAS TUAS MÃOS?

Zacarias 13:1-6                                            Zacarias 13:6

 

                    "Estas são as feridas com que fui ferido em casa dos meus amigos!..."  Sim, "Jesus veio para o que era seu, mas os seus não O receberam". Ele era o Messias prometido por vários profetas, em várias épocas, e, quando veio,  na casa dos seus amigos, Ele foi ferido de morte, e morte de cruz, quando foi pregado na horrível e humilhante   cruz.

 

                     Foi o seu próprio povo, os seus amigos que o feriram tão terrivelmente. Ele, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta (Hebreus 12:2).

 

                    No final, Ele foi ferido pelas minhas, pelas tuas transgressões. Foi moído pelas nossas iniquidades, pois o castigo que  nos traz a paz estava sobre Ele e, pelas suas pisaduras, fomos nós sarados (Isaías 53:5-6).

 

                    Nesta hora, olhemos para as suas mãos e para os seus pés, feridos pela nossa cruz, e reconheçamo-lo como o Cordeiro de Deus que veio tirar o pecado do mundo. Recebamo-lo como Senhor e Salvador das nossas vidas, aceitando das suas mãos feridas a salvação da nossa alma.

 

                  A única coisa que Ele pede de nós é que reconheçamos os nossos pecados, nos arrependamos deles e creiamos na eficácia do seu sangue para nossa reconciliação com Deus.

 

publicado por archote às 08:22

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 16 de Outubro de 2008

FAZ-ME SABER O CAMINHO QUE DEVO SEGUIR...

Salmo 143                                           Salmo 143:8-9

 

                   Nestes dias em que a confusão é generalizada, é bom podermos confiar em alguém que nos possa indicar o verdadeiro caminho. O salmista clamava, confiante: - "Faz-me ouvir a tua benignidade pela manhã e faz-me conhecer o caminho em que devo andar, porque a ti levanto a minha alma..."

 

                   Num momento de confusão, Tomé, o apóstolo, clamava, angustiado: - "Senhor, nós não sabemos para onde vais, como poderemos saber o caminho?..."

                 

                  Jesus respondeu-lhe com amor, benignidade e firmeza: - "Eu sou o caminho... ninguém vai ao Pai senão por mim!..."

 

                  Jesus! Eis o caminho que precisas conhecer e no qual podes andar com plena segurança. Ele não engana, não ilude, não promete para falhar. Ele é fiel, certo, seguro e protector. Nunca falha.

 

                   Em certo país da América do Sul, "os guerrilheiros revoltosos", "volta que vira", fazem batidas nas aldeias mais pobres e levam todo o dinheiro e bens vendáveis que as famílias possuem.  Numa dessas rusgas de terror eles fizeram isso e, mais uma vez, ameaçaram uma humilde família de fazendeiros para entregarem todo o seu dinheiro e ouro que houvesse em casa. "Já não temos nada para vos dar", dizia o avô de família aos terroristas.  "Outros vieram antes de vós e levaram tudo".  Foi então que a netinha, de seis anos apenas,  disse: - "esperem um pouco. Vou dar-vos todo o meu dinheiro". E.dizendo isto, entrou num mísero compartimento de onde voltou com uma caixinha-mealheiro que abriu, entregando todo o seu tesouro de menina - apenas dez moedinhas de cobre, de insignificante valor.

 

                  Os intrusos, ao verem o gesto da criança e o mísero pecúlio, saíram envergonhados, para não voltarem mais.

 

                    Quando a porta se fechou, o avô e aquela criança puseram-se de joelhos, agradecendo a Deus pela Sua protecção e por lhes ter ensinado o caminho da honestidade.

 

                      Deus protege-nos com Sua presença constante na nossa vida e, pelo Seu Espírito Santo, nos dá poder para andarmos na CAMINHO.

 

                       Senhor, faz-me saber o caminho em que devo seguir e dá-me as forças e a sabedoria para não me desviar, nem para a direita, nem para a esquerda. Em Ti e no Teu caminho estou seguro e feliz.

 

música: o caminho
publicado por archote às 08:37

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 15 de Outubro de 2008

FAZEI DISCÍPULOS E BAPTIZAI-OS

Mateus 28:16-20                                                      Mateus 28:19

 

                   Jesus deixou, à Sua Igreja, duas ordenanças e não sacramentos. Há uma diferença abismal entre sacramento e ordenança. Um sacramento é um rito religioso que confere aos homens determinadas graças, o que é completamente estranho aos ensinos do Novo Testamento. Ordenança é uma ordem, lei ou prescrição, dada por Jesus, para ser obedecida pelos Seus discípulos.

 

                    O baptismo é o sepultamento nas águas daqueles que crêem em Jesus e em obediência ao Seu santo mandamento (lei) e que só deve ser administrado aos que têm a capacidade de crer - "quem crer e for baptizado..." (Marcos 16:15a);  "arrependei-vos e cada um de vós seja baptizado"  (Actos 2:37);  "É lícito se crês de todo o teu coração... Creio em Jesus Cristo, o Filho de Deus... e ambos desceram à água e o baptizou..." (Actos 8:37-38).

 

                   O baptismo não salva ninguém. É, antes, e isso sim, um testemunho da salvação e a demonstração do salvo querer obedecer a Jesus, o seu Senhor.

 

                    Não vos preocupeis por estardes ou não baptizados, pois ninguém será condenado por não ter sido baptizado (o ladrão que morreu ao lado da cruz de Jesus não foi baptizado e está salvo no céu - Lucas 23:43). No entanto, se já credes, de todo o coração e de todo o vosso entendimento, no sacrifício vicário de Jesus, deveis ser obedientes à prescrição de Jesus e ser sepultados nas águas baptismais, anunciando ao mundo que morrestes para o pecado e ressuscitastes, pela fé, para uma nova vida em Jesus e com Jesus (Romanos 6:4; II Coríntios 5:17).

publicado por archote às 08:50

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 14 de Outubro de 2008

VÓS FOSTES SANTIFICADOS E JUSTIFICADOS EM JESUS

I Coríntios 6:9-11                                       I Coríntios 6:11

 

                   Nós estamos salvos pelo sangue da cruz de Jesus. Não temos medo de ficar fora do Reino de Deus, porque nós "fomos lavados, santificados e justificados em Nome do Senhor Jesus, pelo Espírito do nosso Deus".

 

                  Nós estamos salvos por Jesus, deste mundo para o Reino da Sua graça. Aleluia!...

 

                  Isto não é orgulho, empáfia ou vaidade. Isto não é porque nós somos melhores ou mais merecedores que os outros. Isto é apenas gratidão, louvor e sentido de adoração a Deus porque "Ele nos salvou", não pelas nossas boas obras, nem pelos méritos existentes em nós, mas "pela Sua misericórdia e pela lavagem da regeneração do Espírito Santo"    (Tito 3:5-6).

 

                  Isto é gratidão a Deus e a Seu Filho Unigénito, Jesus, que morreu pelos nossos pecados, lavando-nos totalmente da devassidão e de toda a sorte de pecado.  Queremos proclamar bem alto:

 

 Salvo! Salvo!
 Eu salvo das penas eternas já sou!
 Salvo! Salvo!
 Pela graça de Cristo Jesus, salvo estou.

 

                                                 (C.C. 372)

 

                  Tu podes dizer o mesmo? Tens a certeza da tua salvação em Cristo? Tens a certeza de que, quando acabares a tua peregrinação nesta terra, vais morar no céu com Jesus e todos os Seus santos?

 

                  Se ainda não tens esta  certeza, aceita agora o Senhor Jesus como teu Salvador e Senhor e tu serás salvo para viveres para sempre com o Senhor (I Tessalonicenses 4:17b)

 

publicado por archote às 08:29

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 13 de Outubro de 2008

VENCE O MAL COM O BEM

Romanos 12:18-21                               Romanos 12:21

 

                  Eis aqui uma boa receita para a vida acidentada que levamos -- "Não te deixes vencer pelo mal, mas vence o mal com o bem".

 

                   Vivemos num mundo mau, profundamente afectado pelo pecado, que tem força venenosa tremenda, que se exerce permanentemente contra tudo o que é de Deus. A melhor forma de combater essas forças negativas é praticar o bem.

 

                   Paulo ensinou: - "Não vos vingueis a vós mesmos, mas se o teu inimigo tiver fome dá-lhe de comer, se tiver sede dá-lhe de beber, porque, fazendo isto,  amontoareis brasas de fogo sobre a sua cabeça..."

 

                  "A ninguém torneis mal por mal, mas pagai o mal com o bem". Jesus ensinou: - "Se alguém te bater na face direita, oferece-lhe também  a esquerda; se te quiser tirar o vestido, dá-lhe também a capa; se te obrigar a caminhar uma milha,vai com ele duas... amarás mesmo o teu inimigo. Orai pelos que vos maldizem e perseguem.... e tudo o que quereis que os homens vos façam, fazei-o também vós" (Mateus 5:39 - 46; 7:12).

 

                   É, nem mais, nem menos, vencer o mal praticando sempre o bem e nunca nos cansando de amar, nem de fazer o bem.

 

                   Vencendo o mal com o bem, tu serás uma bênção -- para ti, que ficarás em paz; para o teu próximo, que conhecerá a paz que Cristo dá.

 

publicado por archote às 08:12

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Domingo, 12 de Outubro de 2008

BEM-AVENTURADOS OS POBRES DE ESPÍRITO

Mateus 5:1-12                                          Mateus 5:3

 

                   "Bem-aventurados os pobres de espírito" , ensinou o Senhor Jesus nas bem-aventuranças, proclamadas no Sermão da Montanha.

 

                    Aos olhos dos homens esta afirmação parece um contra-senso, mas, de facto, não é, porque a expressão "pobres de espírito" não quer dizer inteligência limitada, deficiência mental, fraqueza, etc.. Não, mil vezes não!

 

                    "Pobres de espírito" significa humildes, mas capacitados para entenderem a vontade de Deus. Os simples que não procuram as respostas, para as grandes questões da vida, em si mesmos, mas que são capazes de compreender e aceitar que Deus  tem a resposta certa.

 

                    Grandes pensadores têm permanecido fiéis ao seu Senhor e procurado a Sua direcção, submetendo o seu saber à Palavra de Deus. Têm sido uma bênção para este mundo. Entre esses, poderíamos salientar Pasteur, Newton, Galileu e tantos e tantos outros.

 

                      Graças a Deus por todos esses grandes que souberam arcar com o peso de "pobres de espírito".

 

                      "As coisas que o olho não viu e o ouvido não ouviu e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que O amam; Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias.

 

                      Somos "pobres de espírito", mas não somos loucos, pois temos a graça de Deus para discernir a Sua vontade.

 

                      Pobres, mas sábios para Deus!...

 

publicado por archote às 08:48

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds