Domingo, 8 de Fevereiro de 2009

A VISÃO AINDA ESTÁ PARA CUMPRIR-SE, MAS ACONTECERÁ...

Habacuque 2:3                                              Lucas 21:32

 

                   Os cristãos são, muitas vezes, ridicularizados por falarem na esperança da vida eterna. Dizem os ímpios, agnósticos e quejandos, que esta é uma atitude de alienação, pois se firma em algo que fica para além da realidade que se vive aqui.

 

                    De facto, por vezes, somos induzidos e tentados a pensar que a esperança é um sentimento passivo, de expectativa alienatória, que se firma em algo incerto e distante. Nada mais errado.

 

                    Se a esperança terrena é válida e possui elementos activos e bons, pois esperamos melhores oportunidades de vida, melhor saúde, mais descanso, etc., quanto mais e melhor deve ser em relação às promessas divinas.

 

                    Deus, na Sua Palavra, compara a esperança a uma fortaleza, a uma resposta firme à minha queixa, a uma gravação sobre pedras que não se corrompem e que pode ser vista pelos que passam correndo (Habacuque 2:2-3). Jesus, no contexto de Lucas 21:32, compara-a à figueira que brota firme e certa em todas as primaveras, anunciando o verão que se aproxima.

 

                     Não falhará. Ainda que nos pareça que tarda, certamente se cumprirá. Negar ou desdizer a esperança, que se baseia na fé salvadora, é enganoso como o vinho, é instável como a pessoa arrogante, é passageiro como a ganância dos que se preocupam só com o vil metal.

 

                    A esperança do crente é a âncora da alma, segura e firme, que enche a vida de paciência, amor, alegria e faz com que aguarde o bem-aventurado aparecimento glorioso do grande Deus e nosso Senhor Jesus Cristo (Tito 2:13).

 

                   

 

publicado por archote às 08:51

link do post | comentar | favorito
Sábado, 7 de Fevereiro de 2009

CONVÉM QUE ELE CRESÇA E EU DIMINUA...

João 3:25-36                                                        João 3:30

 

                  Que atitude humilde e sublime a de João Baptista!

 

                  Ele sabia que tinha em Jesus o mais excelente continuador da Obra - Jesus, o Cordeiro de Deus, que tinha vindo para tirar o pecado do mundo. Por isso mesmo, em vez de ficar amargurado com as notícias do sucesso de Jesus, ele sentiu-se satisfeito, contente, como quem cumpriu a missão que lhe foi designada.

 

                   É preciso que Ele cresça e eu diminua até sair de cena, para que a glória de Deus seja manifesta e o Seu plano de salvação para os homens seja completo.

 

                   Ele mesmo tinha dito "eu não sou o Cristo, sou apenas a voz que clama no deserto. Endireitai os caminhos do Senhor, mas Ele (o Cristo), de Quem não sou digno de desatar a correia das alparcas, vos baptizará com o Espírito Santo".  É a Ele ( o Cristo) que deveis ouvir.

 

                    Como João Baptista ensinou e entendeu, nós precisamos de diminuir, desaparecer, para que Ele cresça e seja tudo em nós. "Não mais eu, mas Cristo a viver em mim". Cristo a viver e a brilhar nas nossas vidas.

 

                     Este deve ser o alvo das nossas vidas : - Cristo ser visto em nós, para que o mundo conheça o Senhor e Salvador.

 

                     Temos nós atingido esta meta da vida? Lembremo-nos que  "aquele que perder a sua vida por amor de Jesus a achará verdadeiramente" (Mateus 10:39).

 

publicado por archote às 08:32

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Fevereiro de 2009

DEUS É AMOR

I João 4:8

 

 

"O amor é o único tesouro que se multiplica ao dividir-se;

que mais aumenta, quanto mais se lhe tira;

o único empreendimento no qual quanto mais se gasta mais se ganha".

                                                   

                                                Santo Agostinho

 

 

* * * *

 

Ama, ama de todo o teu coração,

porque "aquele que não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor".

 

publicado por archote às 08:39

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 5 de Fevereiro de 2009

NÃO CESSO DE DAR GRAÇAS A DEUS POR VÓS

Efésios 1:16-17                                             Efésios 1:16

 

                   Paulo era um  homem de oração. Ele não parava de dar graças a Deus por todos aqueles que tinham aderido à fé em Jesus e, por Sua graça, tinham sido salvos.

 

                   Ele orava pondo-se de joelhos (Efésios 3:14) para que os crentes fossem corroborados com o poder do Espírito Santo e para que a Palavra (Cristo) enchesse os seus corações e os firmasse na compreensão do maravilhoso amor de Deus, que excede todo o entendimento humano.

 

                    Este exemplo do Apóstolo deve conduzir-nos também à prática do amor e da intercessão de uns pelos outros, de maneira que alcancemos corações sábios para discernir a vontade do Pai, que quer que nos amemos uns aos outros e que brilhemos como a luz.

 

                    Nós, que já somos privilegiados de Deus, porque recebemos de graça a GRAÇA do Espírito Santo, vivamos em amor, orando  para que sejamos um em Cristo e, assim, sejamos capacitados para levarmos a Boa Nova até aos confins da terra.

 

publicado por archote às 08:29

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 4 de Fevereiro de 2009

NÃO SEGUIRÁS AS MULTIDÕES PARA FAZERES O MAL...

Êxodo 23:1-3                                                Êxodo 23:2

 

                   Temos a tendência de seguir as multidões, como se as "massas" tivessem sempre razão, só por serem a maioria. Quantas vezes as maiorias estão orquestradas por forças estranhas para perverterem o direito e torcerem a razão. Daí a exortação legal : "Não porás a tua mão para seres testemunha falsa, nem seguirás a multidão para fazeres o mal. nem numa demanda falarás tomando parte com o maior número, para torcer o direito e perverter a razão"

 

                    Este é o caminho largo que conduz à perdição, e muitos são os que caminham por ele. Contudo, a porta e o caminho para a salvação são apertados, e são poucos os que entram por essa porta e caminham por esse caminho (João 10:7; 14:6). O caminho largo não é preciso procurá-lo; ele está aí aberto, convidativo, amplo e de simples acesso. É natural andar por ele!...

 

                   Cuidado, pois, embora nele caminhem multidões, o seu fim é a perdição e o eterno afastamento de Deus.

 

                     O Caminho, que é Jesus, é um Caminho estreito, apertado, de difícil acesso (tentações, tribulações, perseguições, etc.), mas é um Caminho seguro e de bênção, cujo fim é a eterna e feliz permanência com Cristo.

 

                      Jesus convida-nos a entrar nele - "Entrai". Não nos garante facilidades (tereis aflições), mas assegura-nos abastecimento, protecção, segurança máxima, consolo para os pés doridos e vitória no final da viagem.

 

                      Não vades nas promessas dos heróis desta vida, que se tornaram fracas e sem valor. Olhai para as promessas dos heróis da revolução francesa, para as promessas de Lenine, de Hitler, etc.. Todos diziam "confiem em nós; nós vos daremos pão, paz, liberdade; "panela cheia", vida plena, etc.". Mas, que herança nos deixaram?

 

                      Que paz temos nós vinda deles? Que liberdade, que justiça social? Que abundância de pão? Nada. Absolutamente nada. Nem paz, nem justiça social, nem pão, nem emprego, nada. Uma mão cheia de promessas ôcas, vazias e de nenhuma valia.

 

                      Experimentai deixar o caminho das multidões e seguir a Jesus e vereis como é bom andar no Caminho da Vida,

 

publicado por archote às 08:29

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Fevereiro de 2009

NÃO ENTRISTEÇAIS O ESPÍRITO SANTO...

Efésios 4:25-32                                                 Efésios 4:30

 

                   Imaginemos que era possível ficar por escassos minutos no lugar de Deus, observando o  mundo do ângulo da Sua Santidade. Julgo que ficaríamos horrorizados com tamanha corrupção, violência, maldade, egoísmo e outros aspectos da vida humana. Teríamos vergonha de ser homens!

 

                   Pois, foi olhando desse lado que Deus viu  esta corrupta humanidade e, vendo em profundidade o seu estado de podridão, não teve outra solução que não mandar Seu Santíssimo Filho para vir buscar e salvar o que se havia perdido. Só Ele pode salvar-nos pelo pagamento concreto (Seu sangue remidor) do nosso miserável estado de degradação.

 

                    No longínquo tempo de Oseias, Deus exortou o Seu povo para que se arrependesse e deixasse seus pecados, voltando-se para o Santo Remidor (Oseias 4:1-5). Não aceitou e preferiu arranjar  as suas próprias soluções, acabando por ser destruído por Senaqueribe, rei da Assíria.

 

                     Hoje, não obstante os apelos de Deus na Sua Palavra e a solução concreta apresentada - JESUS, O SALVADOR - o mundo tem preferido arranjar deuses à sua medida e soluções paliativas para o problema do pecado, estando cada vez mais longe da verdade.

 

                    Com esta atitude o homem está entristecendo o Espírito Santo de Deus e, quando menos esperar, terá sobre si as consequência da sua rebelião, porque o pecado contra o Espírito Santo - a rebelião -  jamais tem perdão.

 

                     Não entristeçais o Espírito Santo, mas, antes, ouvi a Sua voz e aceitai a solução de Deus - JESUS, o Caminho, a Verdade e a Vida.

 

publicado por archote às 08:14

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

EIS QUE TENHO POSTO DIANTE DE TI UMA PORTA ABERTA...

Apocalipse 3:8

 

                   As portas são feitas para se entrar ou sair. Podem estar fechadas ou abertas. Neste texto, Cristo é- nos apresentado como a porta aberta, para que entremos a desfrutar os privilégios e bênçãos do Seu Reino.

 

                  Naturalmente, há as forças satânicas que tentam fechar essa porta, mas Deus nos garante que ninguém a pode fechar, pois o Seu amor eterno jamais o consentirá.

 

                  São muitas as tentações que sofremos. São muitos os obstáculos postos no caminho para que não entremos pela porta franqueada, mas há que lutar com todas as nossas forças e confiar na ajuda do Céu para entrarmos e ficarmos para além da porta. Estar na fronteira é sempre perigoso, pois o fogo inimigo será sempre mais forte.

 

                  Também podemos pensar na porta do testemunho cristão que continua aberta. Há que aproveitar essa oportunidade enquanto é tempo, porque a noite vem quando já ninguém pode trabalhar.

 

                  Devemos dar graças a Deus pela "porta aberta" e pedir-Lhe que nos dê forças para entrarmos por ela ousadamente, quer no que respeita ao tomar posse das bênçãos do Reino, quer no que concerne ao darmos testemunho do tempo da salvação.

 

publicado por archote às 08:22

link do post | comentar | favorito
Domingo, 1 de Fevereiro de 2009

TORRE FORTE É O NOME DO SENHOR

Provérbios 18:10

 

                   Sim, TORRE FORTE é o Nome do Senhor. Ali o justo se acolhe e está seguro - "aquele que habita no esconderijo do Altíssimo, à sombra do Omnipotente descansará".

 

                   Que bom termos este refúgio seguro, onde nenhum mal nos chegará. Nem peste perniciosa, nem espanto nocturno, nem seta que voe na escuridão, nem laços traiçoeiros! Nada chegará à nossa vida, senão  as doces bênçãos do Senhor.

 

                  O Nome do Senhor Jesus é doce, santo e forte, como muralhas intransponíveis. Por outro lado, esse mesmo Nome é como o orvalho da manhã, que refresca, consola e dá novo ânimo para a vida.

 

                    TORRE FORTE é o Nome do Senhor. Acolhe-te à Sua sombra e experimenta as Suas doçuras e o maravilhoso da Sua segurança. Dirás como Pedro disse um dia: - "Senhor, bom é estarmos aqui..."

 

publicado por archote às 08:10

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds