Segunda-feira, 11 de Outubro de 2010

JESUS, VARÃO DE DORES E EXPERIMENTADO EM TRABALHOS

Isaías 53                                                    Isaías 53:3

 

 

                    Não há dúvidas de que o profeta Isaías, neste capítulo 53, faz alusão ao Senhor e aos Seus sofrimentos para poder levar os homens de retorno a Deus. ELE SOFREU!

 

                   E como sofreu, meu Pai do céu! Nunca, jamais, nós, humanos, poderemos avaliar o grande sofrimento de Jesus. É que Ele é Deus com o Pai, santo, puro, sem jamais ser tocado pelo pecado. Assim, o Seu sofrimento foi muito mais atroz e terrível.

 

                  Ele foi verdadeiramente varão de dores, homem experimentado em trabalhos, desprezado pelos homens, porque não viam n'Ele parecer, nem formosura. Estava marcado pelos nossos pecados. Nós o desprezámos e abandonámos, mas Ele levava sobre Si mesmo, no Seu corpo, o castigo que  nos traz a paz e nos abre a porta do céu. Para isso, basta que creiamos que tudo isso foi feito por nós e é suficiente para que o Pai nos olhe através da justiça do Filho. "Justificados, pela fé, temos paz com Deus por nosso Senhor Jesus Cristo".

 

                  O apogeu do pecado foi a crucificação de Jesus, pelos nossos pecados, mas Ele veio para isso mesmo, para que, mortos para o pecado, vivamos felizes para honra e glória de Deus Pai (I Pedro 2:24).

 

                  Aceita Jesus como teu Senhor e todas as consequências do pecado serão anuladas para ti. Tu serás verdadeiramente livre.

publicado por archote às 07:10

link do post | comentar | favorito
Domingo, 10 de Outubro de 2010

NÃO SE TURBE O VOSSO CORAÇÃO

João 14:1-6                                          João 14:1

 

 

                     Nunca, como nos dias que passam, se viveu um clima de tão grande terror e medo. Temos medo de ser assaltados, violados, espancados; medo de perder o emprego, da fome, da falta de saúde; temos horror a doenças como o cancro, o HIV, a cegueira;  temos medo das guerras, das calamidades naturais, catástrofes; temos medo do fim dos tempos e dos cataclismos inerentes; temos medo... medo...

 

                      Jesus, o nosso Salvador, diz-nos: - "não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em Mim..." Isto é como quem diz: - confiai em Mim! Descansai nas Minhas promessas e, a seu tempo, vereis a bênção do Senhor.

 

                      Sim, porque ter medo se Jesus está connosco? Ele é a resposta para todas as  nossas ansiedades e temores, basta que creiamos n'Ele, sejamos pacientes para ver a Sua acção.

 

                       A fé em Deus e em Seu Filho Jesus é a única chance de uma vida sem temores, segura e estável, mesmo no meio das muitas provações da vida.

 

Confia sempre, ó crente,

na luta por Jesus,

em Deus, pois que à vitória

com glória nos conduz.

 

Confia em Deus

na luta por Jesus.

Confia em Deus,

que sempre nos conduz.

                                           C. Cristão 457

publicado por archote às 07:35

link do post | comentar | favorito
Sábado, 9 de Outubro de 2010

SERÁS RECOLHIDO AO TEU POVO

Números 27:12-17                                                 Números 27:13

 

 

                     Na Bíblia, o conjunto de palavras mais comuns para dizer que alguém morreu é : - "serás recolhido (ou congregado) ao teu povo". Em Génesis 5 diz : - "morreu".

 

                     Para os patriarcas pré-diluvianos diz-se: - "viveu... e morreu". Para Abraão, Isaque, Jacob, Aarão, Moisés, os termos são:- "recolhidos aos seus povos"  (Génesis 25:8; 35:29; 49:33; Números 20:24; 27:13). A grande verdade a realçar é que, vivendo muitos ou poucos anos, todos morrem - ricos, pobres, sábios, ignorantes, reis, plebeus, dignitários da religião, etc.. "Aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo, depois disso, o juízo" (Hebreus 9:27).

 

                    Uma vez que a única coisa certa que alguém tem quando nasce é a morte, importa que todos nos preparemos sabiamente para morrer. Podemos não saber quando morreremos, nem como morreremos, mas sabendo que, sem dúvida, morreremos, prepare-se cada um para se encontrar com Deus (Amós 4:12).

 

                   E como nos prepararemos para a morte e imediato encontro com Deus?

  • Reconheçamos que somos miseráveis pecadores
  • Confessemos os nossos pecados a Jesus, o Único que nos pode perdoar diante de Deus
  • Abandonemos os nossos pecados e cheguemo-nos, pela fé, a Jesus
  • Creiamos no poder da graça de Jesus para nos salvar
  • Aceitemos Jesus como nosso Único e Suficiente Salvador
  • Esperemos, vigilantes, o aparecimento em glória do Senhor Jesus Cristo, o grande Deus, que Se deu a Si mesmo por nós, para nos remir de toda a iniquidade (Tito 2:13-14)
  • Vigiemos e oremos para que não entremos em tentação

                   E se não houver vida além da morte, nem céu, nem inferno, nem salvação, nem perdição?

 

                   Então, nós, os que crermos, seremos sempre uns privilegiados, pois vivemos uma vida numa doce esperança, amando e servindo o nosso próximo.

                   

 

publicado por archote às 07:36

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 8 de Outubro de 2010

CANTAREI AO SENHOR ENQUANTO VIVER...

Salmo 104                                       Salmo 104:33-34

 

 

                     Eis o propósito da minha vida  -  cantar, louvar e salmodiar ao Senhor, que me salvou, por todos os dias da minha vida. Quero louvá-lO porque Ele é o Senhor, Criador e Sustentador de todo o universo. Quero louvá-lO porque Ele é o Único Deus verdadeiro, eterno, infinito, omnisciente, omnipresente, omnipotente, justo, santo, amor, verdade e auto-suficiente. Quero louvá-lO porque Ele me ama e, na plenitude dos tempos, enviou o Seu Único Filho, Jesus, para morrer pelos meus pecados a saldar a minha dívida. Quero louvá-lO por tudo o que Ele é, por tudo o que Ele fez e faz para nosso bem. Quero louvá-lO porque Ele, um dia, virá pôr fim a esta pesada caminhada sob o pecado (que nós escolhemos), para nos levar para Si mesmo, com Quem estaremos felizes para sempre, sem lágrimas, guerras, dor, fome ou quaisquer perturbações.

 

                     Eu quero cantar e louvar a Deus, todos os dias da minha vida, pela maravilhosa Obra de Jesus entre os homens para nossa salvação. Sem Jesus ficaríamos perdidos, para sempre, nas trevas do pecado. Glória a Jesus por Sua luz maravilhosa.

 

                     Juntamente com os mares, com as majestosas montanhas, com os rios e com as estrelas, eu louvarei a Deus enquanto existir, proclamando a grandeza da Obra das Suas mãos!

 

                     Eu O louvarei porque "Ele me salvou, não pelas minhas obras de justiça, mas segundo a Sua misericórdia, pela lavagem da regeneração e renovação do Espírito Santo (Tito 3:5).

publicado por archote às 07:09

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 7 de Outubro de 2010

E A SETH NASCEU UM FILHO... E COMEÇOU-SE A INVOCAR O NOME DO SENHOR

Génesis 4:25-26                                                              Génesis 4:26

 

 

                     Depois do assassínio de Abel por Caim, Deus deu a Adão e Eva um outro filho, a quem foi posto o nome de Seth, que significa "Designado", quem sabe se para perpetuar o Nome do Senhor na terra.

 

                     Ao contrário dos descendentes de Caim, que edificaram cidades, inventaram instrumentos musicais, tornaram-se mercadores de gado, fizeram toda a sorte de obras de ferro e de cobre, os descendentes  de Seth, via Enos, deram prioridade a serviços de adoração, louvor e proclamação do Nome de Deus. Isto não quer dizer que não procurassem boa qualidade de vida física ou que não fizessem outras coisas, mas deram o primeiro lugar às coisas que são de cima, certamente conscientes da bênção de Deus.

 

                    Os  filhos de Deus têm que ter prioridades bem definidas, como ensinou Jesus - "Buscai primeiro o Reino de Deus e a Sua justiça e todas as outras coisas vos serão acrescentadas" (Mateus 6:33-34).  "Entrega o teu caminho ao Senhor, confia n'Ele e Ele tudo fará (Salmo 37:5). Confia em Deus e Ele cuidará de ti  (Salmo 115:9, 11).

 

                     Se tivéssemos de analisar a nossa vida agora, neste momento, para onde penderia o prato da balança? Como os descendentes de Caim ou como os descendentes de Seth?

 

                     Quais as prioridades da nossa vida? O material ou o espiritual? Maria escolheu a melhor parte, ficando aos pés do Senhor a ouvir a Sua Palavra, enquanto Marta se afadigava na feitura das banalidades da vida (Lucas 10:38-42).

publicado por archote às 07:32

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Outubro de 2010

OUVISTES QUAL FOI A PACIÊNCIA DE JOB...

Tiago 5:7-11                                                       Tiago 5:11

 

 

                    Poucas pessoas terão passado tão rapidamente de muito ricos a paupérrimos e de paupérrimos a muito ricos, como Job. Sabemos que as riquezas deste mundo são passageiras, e ai daquele que vive para as ajuntar, esquecendo-se de juntar tesouros no céu (Mateus 16:19-20).

 

                    Sabemos que Job foi um caso especial, pois teve a intervenção directa e intencional de provar o servo de Deus. Não foi a sua má orientação administrativa; não foram os elementos naturais, mas foi a força diabólica em acção. Tenhamos cuidado, estejamos apercebidos, porque o diabo, nosso adversário, anda ao redor de nós, rugindo como leão, e buscando a quem possa tragar (I Pedro 5:8-9). Resisti-lhe, firmes na fé, como Job, sabendo que todas essas  aflições "contribuem juntamente para bem daqueles que amam a Deus e são chamados por Seu decreto" (Romanos 8:28).

 

                    Job foi fiel e, em todas estas coisas que lhe aconteceram,  "não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma" (Job 1:22), pelo que o Senhor "virou o cativeiro de Job, quando orava pelos seus amigos, e lhe acrescentou em dobro tudo quanto antes possuía" (Job 42:10).

 

                    "Sede, pois, irmãos, pacientes até à vinda do Senhor..."; lembrai-vos da paciência e da fidelidade de Job; lembrai-vos como o Senhor foi misericordioso para com ele e sede pacientes na tribulação, perseverai na oração e alegrai-vos na esperança da vitória sobre as potestades do inferno (ler Romanos 12:12).

 

                    Tomemos consciência do facto de que o Senhor nunca, jamais, permitirá que algo ou alguém  nos roube das Suas mãos, pois somos pertença especial da Sua Pessoa.

publicado por archote às 07:01

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 5 de Outubro de 2010

O SANGUE DE JESUS NOS PURIFICA DE TODO O PECADO

I João 1:5-7                                                        I João 1:7

 

 

                     Hoje, em Portugal, celebra-se o 1º centenário da implantação da República. Portugal deixou o caminho da Monarquia para se assumir como uma República. Teria ganho com essa escolha? Teria perdido? Não sei responder. Já nasci nos tempos da República, e tenho visto seus defeitos, seus podres, suas injustiças e a perda da maioria dos seus valores e princípios que a tornavam bonita, idealista e percursora de uma justiça igual para todos.

 

                     O que teria falhado, para que essa República se tornasse num antro de corrupção, de injustiças, de lutas miseráveis pelo poder? O que teria falhado, para que, em vez de pão para todos, apenas uns quantos possam comer, até estragar, e milhões estarem è beira da fome e da miséria? O que teria falhado nos ideais de justiça para todos, quando uns quantos são sempre absolvidos dos seus crimes e o povo não tem onde se agarrar?

 

                     Penso que a grande falha é que tudo partiu de uma grande fraude. Os idealistas da República não eram homens regenerados, não eram nova criação de Deus (II Coríntios 5:17), os seus ideais não eram de justiça igual para todos, mas de melhor justiça para eles. Só os homens com corações regenerados por Deus, e lavados dos seus pecados (I João 1:7) são capazes de pensar primeiro nos outros (próximo) e depois neles. Portanto, se a base estava enferma, podre, corrompida, e edifício a construir seria uma mentira, uma fraude, um presente envenenado.

 

                     Só o sangue de Jesus Cristo, o Filho de Deus, nos purifica de todo o pecado. Só o Espírito Santo de Deus pode criar, no homem "diabolizado", um homem novo, justificado, pacífico, santo e capaz de gerar, com Deus e em Deus, verdadeira justiça social, amando o próximo como a si mesmo.

 

                     Até que o homem seja lavado dos seus pecados, pelo sangue de Jesus Cristo, regenerado pelo poder do Espírito Santo e justificado pela fé na graça de Jesus, não terá habilitações para promover o bem geral.

 

                    Por si mesmo, não pode. Precisa de crer no sangue remidor de Jesus, o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo.

publicado por archote às 07:24

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 4 de Outubro de 2010

ERAM TEUS ... E TU MOS DESTE...

João 17:1-6                                                       João 17:6b

 

 

                     Que doce privilégio! Que bênção inaudita! Que vitória estrondosa! Fomos dados pelo Pai ao Senhor Jesus, o Salvador do mundo, e, agora, não somos mais de nós mesmos, mas Dele!

 

                     Na verdade, só podemos ser do Pai, que nos dá o Seu Filho Bendito, ou do mundo, que é como quem diz de Satanás.

 

                     Quem é o teu Senhor? Jesus ou Satanás? Cuidado, pois é muito bonito dizermos que somos de Deus, mas não o seremos de facto se pelo Pai não formos dados ao Filho e pelo Filho não formos salvos. É preciso nascer de novo, nascer do Espírito, pois se não nascermos de novo (na família de Deus) não poderemos ser do Reino de Deus (João 3:1-6).

 

                     É preciso recebermos Jesus como Senhor e Salvador, pois só aqueles que O receberem têm a graça de serem filhos de Deus (João 1:12).

 

                     Fomos dados pelo Pai a Jesus, recebemo-lO como nosso Senhor e Salvador e agora somos Dele. Não somos de nós mesmos, que é a mesma coisa que sermos de Satanás, mas Dele, que nos comprou por bom preço - o Seu sangue derramado na cruz.

 

                     Não nos enganemos a nós mesmos. Temos de nascer de novo - deixar pai, mãe, irmão, irmã, bens materiais e religiosos e seguir a Jesus, de alma e coração. Nada, nem ninguém, se pode interpor entre nós e Jesus. Somos Dele! Na nossa vida, Jesus não pode ter concorrentes. Talvez queiras antes dizer : - eu sou dos meus pais, sou da minha esposa ou marido, ou ainda, sou de  mim  mesmo. Se assim for, Jesus te dirá : - tu não podes ser Meu filho, nem Meu discípulo. Talvez em certos casos isto não signifique que tu não és um salvo, mas significa que não és Dele, não és Seu discípulo.

 

                     És todo de Jesus ou só uma parte de ti?  Ele quer que sejas totalmente Dele.

 

Não sou meu! Por Cristo salvo

que por mim morreu na cruz

eu confesso alegremente

que pertenço ao bom Jesus.

 

Não sou meu! Oh! não sou meu!

Bom Jesus, sou todo Teu!

Hoje mesmo e para sempre

Bom Jesus, sou todo Teu!

 

(Veja o hino 307 do Cantor Cristão)

publicado por archote às 07:48

link do post | comentar | favorito
Domingo, 3 de Outubro de 2010

E ESCANDALIZAVAM-SE NELE

Marcos 6:1-5                                          Marcos 6:3b

 

 

                     Certo dia, Jesus foi fazer uma visita a Nazaré, Sua terra de adopção, e, como não podia deixar de ser, foi assistir ao Culto na sinagoga, pois era sábado. Que exemplo Jesus nos dá, pois, sendo o próprio Filho de Deus, foi à Casa do Senhor cumprir o Seu dever. Infelizmente,  muitos dos ditos filhos de Deus são bem faltosos nesta área.

 

                     Jesus não perdeu a oportunidade de ser activo no Culto e "começou a ensinar na sinagoga". E que ensinos Jesus deixou! Foi de tal maneira que muitos ficaram admirados, pois ensinava com sabedoria e poder.

 

                     Contudo, e como sempre acontece, nem todos aceitaram os santos ensinos de Jesus. Alguns duvidaram, outros escandalizaram-se nos Seus ensinos, pois não era escriba, nem fariseu, nem sacerdote. Não tinha diploma para ensinar. Outros ainda terão ficado na expectativa, esperando ver para onde caía o prato da balança. São os que ficam sempre à espera.

 

                     Perante uma mensagem os auditórios dividem-se entre aqueles que crêem e são salvos, entre os que se escandalizam e ridicularizam e entre os que ficam à espera para irem com a maioria. Tanto os segundos como os terceiros acabam perdidos.

 

                     Os conterrâneos de Jesus escandalizaram-se Nele e perderam a sua oportunidade, pois Jesus tinha outros para evangelizar e não estava ali para lançar as Suas "pérolas aos porcos".

 

                     Que o Senhor tenha misericórdia de nós e nos dê discernimento para escolhermos ouvir Jesus e sairmos completamente da incredulidade.

 

                       A incredulidade persistente faz com que a pregação e o ensino da Palavra sejam retirados (Marcos 6:6).

 

                       Se amas a Jesus, guarda a Sua Palavra e serás amado por Ele e pelo Pai, que em ti fará morada.

publicado por archote às 07:57

link do post | comentar | favorito
Sábado, 2 de Outubro de 2010

AO MEIO DIA, VI UMA LUZ DO CÉU, QUE EXCEDIA O ESPLENDOR DO SOL

Actos 26:12-23                                               Actos 26:13

 

 

                     Neste contexto, Paulo está a relatar ao rei Agripa e a sua mulher Berenice a forma como Deus, cegando-o com uma luz do céu, que excedia o esplendor do sol, lhe abriu os seus olhos, para poder levar a Luz do mundo aos que viviam nas trevas, e das trevas os converter à Luz, e do poder de Satanás a Deus, levando-lhes a remissão dos pecados (Actos 26:13, 18).

 

                      Quem recebe a Luz de Deus não anda mais em trevas e tem de, em si mesmo, resplandecer diante dos homens a Luz de Jesus. Esta é tarefa do discípulo - receber a Luz e brilhar. Ser salvo e levar a salvação de Jesus até aos confins da terra.  Ser remido dos seus pecados e ir anunciar a todos a remissão dos seus próprios pecados.

 

                      Paulo não foi "desobediente à visão celestial", pois, desde Jerusalém até ao Ilírico, pregou, sem temor, nem vergonha, o Evangelho de Cristo (Romanos 15:19; 1:16), poder de Deus para a salvação de todo aquele que crê.

 

                      Quando alguém nasce de novo, é regenerado e convertido, tem os olhos abertos para as necessidades do Reino de Deus e não pode calar-se, não pode deixar de falar daquilo que o seu coração está cheio - o amor de Cristo.

 

Senhor, dá-me a paixão

de guiar uma alma a Ti.

Que o Teu resplendor

o mundo veja em mim.

Quantos há que morrem

sem de Cristo ouvir.

Oh! dá-me a paixão,

paixão de Te servir.

publicado por archote às 07:59

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds