Segunda-feira, 22 de Fevereiro de 2010

ASSIM TAMBÉM A FÉ SEM AS OBRAS É MORTA

Tiago 2:14-26                                                                    Tiago 2:17

 

                   Muitas pessoas têm sido levadas a crer que, uma vez que a fé sem obras é morta, nós somos salvos pelas obras. Nada mais errado. Só se pode ser salvo pela fé -- "Pela graça sois salvos, por meio da fé...". A salvação é um dom de Deus que se obtém crendo no Senhor Jesus Cristo (Actos 16:30-31).

 

                    Então, estará Tiago errado? Não, de forma alguma. O que Tiago ensina é que a palavra fé tem mais do que um significado. É preciso compreender o contexto em que a palavra fé aparece. Por exemplo:

  • a fé dos budistas, animistas, islamitas, etc.. Neste contexto a palavra fé significa tipo de crença e não no sentido bíblico
  • o diabo também tem fé que há um Deus. Aqui significa acreditar e não ter confiança salvadora

                   A fé do verdadeiro cristão é um dom do Espírito Santo, que o leva aos braços de Deus, por meio de Cristo. Ele crê, confia na eficácia do sangue de Cristo para sua remissão. Esta é a fé que salva, a fé que jamais pode ser morta, pois tem como consequências imediatas as boas obras, o servir o próximo, amando-o e trabalhando para o seu bem.

 

                   A fé que salva não é uma fé morta, mas uma fé viva, que tem como primeira consequência as boas obras.

 

                    Há que fazer o teste para ver se a nossa fé é a verdadeira, a que salva. Ponhamos a mão na consciência e analisemos a nossa fé -- produz frutos? Leva a vida a outros ou é estática, não passa da "cepa torta"?

 

                     O mundo está olhando para a nossa vida de salvos e vendo os frutos da nossa fé, positivos ou negativos.

 

publicado por archote às 07:28

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds