Sexta-feira, 18 de Fevereiro de 2011

SE DISSERMOS QUE TEMOS COMUNHÃO COM DEUS E ANDARMOS EM TREVAS, MENTIMOS

I João 1:1-7                                             I João 1:6

 

 

O diabo é o pai da mentira, logo, os filhos de Deus não podem andar nas trevas da mentira, mas devem praticar a verdade, para se identificarem com Jesus, que é a VERDADE (João 14:6).

 

Todo o homem que conhece Jesus deve abandonar a mentira  e falar sempre a verdade, cada um com o seu próximo (Efésios  4:25), para que a sua palavra não seja enganosa e assim tenhamos confiança uns nos outros.

 

Há muitas maneiras de mentir, e muitas pessoas o fazem com tal eficácia que parece estarem a afirmar as mais puras verdades. No entanto, Deus, que lê os corações, sabe perfeitamente das nossas mentiras e não deixará de as condenar. Por incrível que pareça, o lugar onde mais se mente é na Igreja, aos domingos. Ali, crentes mundanos, que nada sabem de consagração a Deus, cantam "Tudo, ó Cristo, a Ti entrego". Outros, que durante a semana não tiveram ao menos um momento para orarem, cantam "bendita a hora de oração". Ainda outros, sovinas, procurando no bolso a moeda de menos valor para colocarem na gazofilácio, cantam "as riquezas mundanas nada valem p'ra mim".

 

Não esqueçamos, as mentiras são sempre desagradáveis e condenáveis aos olhos de Deus, tanto as que dizemos em palavras, como as que dizemos cantando, como mesmo as que formulamos em nosso pensamento.

 

Resguardemo-nos da mentira e falemos a verdade uns com os outros, para que sejamos aceites aos olhos de Deus e dos homens.

publicado por archote às 07:21

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds