Quarta-feira, 19 de Abril de 2006

P A Z

"A PAZ é muito mais que a ausência de guerra, ela define o estado do homem que vive em harmonia com Deus, consigo mesmo e com os outros" Stº Agostinho)

"Lembrai-vos: - há cinco grandes inimigos da paz -- a avareza, a ambição, a inveja, a ira e o orgulho. Se esses inimigos fossem derrotados e banidos usufruiríamos uma paz perfeita" (Petrarca)

"Prefiro a paz mais injusta a qualquer guerra dita justa" (Cícero)

Será que podemos mesmo definir o conceito de Paz? Alguém disse  que a paz é o sorriso de Deus, reflectido na pureza de uma criança.

Conta-se que dois famosos pintores combinaram entre si definirem a ideia da verdadeira paz.

Um deles pintou um magnífico "pôr-de-sol " sob as águas plácidas de um lago, com aves voando calmamente para os ninhos, cores de sonho, arbustos e árvores sem agitação. Lindo, mas tendendo para a ideia de paragem, estagnação, falta de vida, paz morta.

O outro artista pintou um ninho construído na forquilha de um galho frágil, balançando acima de furiosa e espumante cascata. Sobre esse abismo ruidoso, lá estava, dentro de um abrigo forrado de algodão e penas, um passarinho, calmamente chocando os seus ovos e contemplando o turbilhão rolante das águas.

Era o seu conceito de paz. Paz verdadeira no meio do torvelinho das correntes da vida.

Esta paz existe de facto. Podemos admirá-la em alguns mártires que, envoltos em chamas, atirados às feras ou subindo ao cadafalso, revelaram muito mais serenidade do que os seus algozes.

(Adaptado do Livro  "LENDAS E FACTOS" de Miguel Rizzo )

TENS TU ESTA PAZ?

Esta paz provém do ajuste espontâneo da nossa vida à vontade de Deus.

publicado por archote às 21:26

link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds