Sábado, 28 de Outubro de 2006

A PRIMEIRA PROMESSA

                      A primeira promessa de Deus para o homem caído vem imediatamente a seguir à queda do mesmo: - "e porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua semente e a sua semente; ela te ferirá a cabeça e tu lhe ferirás o calcanhar".

                      De imediato, Satanás começou a ferir  o calcanhar da semente da mulher. E como o tem magoado! Aqui, transformou-o num fraticida; ali, num adúltero sem escrúpulos; acolá, num ladrão violento; mais adiante, num pedófilo. Ora um traficante de carne humana, ora um vendilhão sem escrúpulos, que vende a própria irmã e até a mãe. Ele tornou o homem num infeliz canceroso e ulcerado, desde a planta do pé até à cocuruta da cabeça (Isaías 1:6).

                      Deus, na plenitude do tempo enviou o Seu Filho, nascido de mulher... para remir, buscar e salvar os que se haviam perdido. Ele morreu pelos nossos pecados, pagando, assim, a nossa dívida, vencendo Satanás, o pecado e a morte (Gálatas 4:4; I Coríntios 15:2; I Pedro 1:18-19; 2:24)

                      Ele esmagou a cabeça da serpente quando, na cruz, consumou a redenção da humanidade -- "Está consumado, nas Tuas mãos, ó Pai, entrego o meu espírito" (João 19:30)

                      Deus prometeu; Deus cumpriu; Deus cumprirá todas as Suas promessas.

                      Confiemos e esperemos, regozijando-nos e alegrando-nos porque Ele é fiel, não pode negar-Se a Si mesmo" (II Timóteo 1:11-13).

publicado por archote às 21:30

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds