Quarta-feira, 15 de Maio de 2013

TODO AQUELE QUE COMETE PECADO É SERVO DO PECADO

João 8:34                                                João 8:31-41

 

Depois de uma manhã chuvosa, a tarde resplandeceu linda, seca, iluminada e convidativa a um passeio pelas ruas da cidade. Muitas foram as pessoas a aproveitarem a oportunidade de sair. Algumas levaram mesmo os seus animais de estimação.

 

Entre as pessoas que saíram estava também  uma senhora, amiga de "dar nas vistas", que aperaltou um porquinho e o levou a passear com ela. Todos ficavam admirados com o comportamento do bichinho, até que ele viu uma poça de água, à qual se haviam juntado alguns detritos da rua, e, puxando a trela, foi conspurcar-se na lama e toda a espécie  de imundícies ali juntas. O porco, apesar de ter uma veste especial, ainda era porco. A sua natureza era de suíno e sempre seria.

 

Aquele que comete pecado é escravo do pecado enquanto não tiver recebido de Deus uma nova natureza. Só "aquele que está em Cristo é uma nova criatura", pois foi despido da natureza pecaminosa e revestido da natureza santa de Cristo.

 

Não é vontade de Deus que sejamos escravos do pecado. Ele quer que sejamos novas criaturas e isto só pode acontecer pela operação do Espírito Santo em nós, mediante a fé no Senhor Jesus.

 

Deixemos que o Espírito Santo consuma em nós o velho homem, com suas imundícies, maldades, crimes, e aproximemo-nos de Jesus, que operará em nós o novo nascimento para uma nova vida na família de Deus. Se, pois, o Filho nos libertar dessa velha natureza, verdadeiramente seremos livres, para fazer tudo o que é bom e agradável aos Seus santos olhos.

publicado por archote às 07:05

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

. PARE, MEDITE E ORE

.arquivos

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

blogs SAPO

.subscrever feeds